Prótese permite que amputados sintam pés e joelhos

A prótese sensível ao toque foi desenvolvida por pesquisadores do Instituto Federal de Tecnologia de Zurique

Por: Redação Comunicar erro

Nos últimos anos o maior desafio dos pesquisadores é desenvolver novas próteses que permitam que os usuários sintam os membros amputados.

Além da questão psicológica de se ter a sensação dos movimentos dos membros, há também uma questão de facilitação de movimentação, já que sentir pés, mãos, joelhos e afins facilita a noção espacial do corpo humano.

Crédito: DivulgaçãoPrótese suíça permite que pessoas com pernas amputadas sintam pés e joelhos em tempo real

Um grupo de pesquisadores do Instituto Federal de Tecnologia de Zurique (ETH Zürich), na Suíça, está desenvolvendo uma prótese sensível ao toque que, aparentemente, é focada na sensibilidade das pernas. A informação é do site B9.

O grupo instalou sensores e eletrodos em duas próteses para dar sensibilidade, noção de movimentos e feedback até a sola dos pés.

Crédito: DivulgaçãoA prótese sensível ao toque foi desenvolvida por pesquisadores do Instituto Federal de Tecnologia de Zurique

Os pesquisadores testaram  os equipamentos em duas pessoa e os resultados se mostraram animadores.

Os testes foram feitos com uma prótese Össur, que vem com um microprocessador e um sensor de ângulos no joelho. Os cientistas instalaram uma camada interior com sete sensores nos pés.

Os sensores transmitem sinais em tempo real, por Bluetooth, para um receptor localizado no ângulo. Um algoritmo adapta o feedback para sinais neurais e entrega, por meio de um implante feito no nervo tibial do usuário, a sensação. O cérebro pode interpretar os sinais de joelho e pés.

A prótese modificada ajudou os pacientes a andarem mais rápido, sentir maior confiança nos movimentos e até a consumir menos oxigênio – o que indica que o uso dessa prótese modificada exige menos desgaste do que as convencionais.

Não há nenhuma informação ou previsão para que esses modelos de prótese cheguem ao mercado.

Compartilhe: