Artistas se reúnem para levar testes da covid-19 a comunidades indígenas

Live vai reunir no próximo sábado, 8, nomes como Gilberto Gil, Criolo, Margareth Menezes e Chico Cesar

Por: Redação

A pandemia do novo coronavírus já atingiu ao menos 145 povos indígenas e há mais de 21 mil casos nas aldeias do país. Dentro desse contexto, o projeto social Bora Testar em parceria com o DJ MAM vai levar testes às comunidades mais vulneráveis nesse momento, para ajudar no diagnóstico e na prevenção da doença.

Para reforçar a campanha e celebrar o Dia Internacional dos Povos Indígenas (no dia 9 de agosto), o projeto se une à APIB (Articulação dos Povos Indígenas do Brasil) e ao Festival Demarcação Já Remix, uma das séries do Selo Sotaque Carregado, que celebra os guardiões das florestas reunindo estrelas da música brasileira, entre eles Gilberto Gil, Criolo, Margareth Menezes e Chico Cesar, e das artes visuais, audiovisual e cinema, como Ernesto Neto, Oskar Metsavaht e Letícia Sabatella, para participação da live Demarcação Já Remix.

Crédito: Divulgação Demarcação Já Remix vai arrecadar fundos para levar testes a aldeias do país

O evento tem como objetivo arrecadar recursos para viabilizar a compra de testes rápidos e também trará cantores, DJs e artistas de diferentes setores da economia criativa -todos juntos pelo Bora Testar. O coral indígena Guarani Tenonderã da aldeia Sapukai abrirá a live com canções tradicionais em homenagem a seu cacique, Domingos Venite, que faleceu em julho, vítima da covid-19.

Toda a identidade visual do evento é inspirada na obra do ativista, compositor e poeta Bené Fonteles, que também coordena o Movimento Artistas pela Natureza. A apresentação do ‘Demarcação Já Remix’ acontece no próximo sábado. 8, às 20h, no canal do Yoututube do cantor Gilberto Gil.

Projeto Bora Testar

Criado a partir da necessidade de atender uma parcela da população em maior estado de vulnerabilidade ao contágio por covid-19, o projeto Bora Testar quer levar para todo o país testes de diagnóstico às favelas e, neste momento também atender às comunidades indígenas das áreas periféricas das grandes cidades. O objetivo é ajudar a preservar a saúde dessa população, além de gerar dados que traduzam melhor a realidade desses locais.

Com quatro pilares básicos: informação, triagem, exames com moradores sintomáticos e rastreamento, a campanha quer barrar a disseminação e a letalidade do coronavírus nesses territórios. Diversas ações estão sendo realizadas para atrair mais doadores e arrecadar mais recursos que serão todos destinados à compra de testes.

Para contribuir, com qualquer valor a partir de R$ 10 , basta acessar a plataforma de arrecadação  ou o QRCode abaixo:

 

Demarcação Já Remix

Disponibilizada através do selo Sotaque Carregado (The Orchard), a série de remixes da música “Demarcação Já”, que inspirou o nome do programa, foi lançada como uma campanha pela demarcação das terras indígenas liderada pelo Greenpeace em parceria com a APIB (Articulação dos Povos Indígenas do Brasil), e apoiada pelo ISA (Instituto Socioambiental), a gravação contou com dezenas de artistas de peso da MPB.

A partir disso, o DJ MAM reuniu a colaboração de mais de 30 artistas de oito países, e transformou em um projeto de mini remixes que são lançados mensalmente. Os primeiros lançamentos trouxeram Gilberto Gil e Céu, respectivamente remixados por Tropkillaz, Telefunksoul e Freelion, seguidos por Maria Bethânia e Zeca Baleiro, pelos beats de El Búho e do DJ Waldo Squash.

O mais recente conta com o paraibano Chico César, remixado por seu conterrâneo, Furmiga Dub, e com o BaianaSystem, remixado pelo Digitaldubs. Tudo junto e misturado pelo DJ MAM, que incluiu frases de ordem da líder indígena, Sônia Guajajara. O evento na próxima sexta-feira, dia 8, marca o lançamento do mês. Tudo está disponível nas plataformas digitais como Spotify,  ITunes, Deezer e outros.

Compartilhe: