CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Americana lembra luta contra heroína em emocionante depoimento

Após ser diagnosticada com depressão pós parto, Melissa Lee Matos viveu o pior período de sua vida. Em um emocionante relato, ela lembrou a fase em fotos do passado e dois dias atuais

Por: Redação

As consequências do uso de entorpecentes deixa marcas muitas vezes irreversíveis. Este não foi o caso da norte-americana Melissa Lee Matos, de 4o anos, que se tornou notícia em todo o mundo.

Ex-viciada em heroína, ela compartilhou fotos de si mesma quando estava no fundo do poço e revelou, em um emocionante depoimento, como os filhos deram um novo significado a sua vida. Nas imagens, ela aparece com o rosto bastante danificado pelos efeitos da heroína em meio a um aparente estágio inicial de overdose.

Em uma postagem no Facebook, Melissa refletiu sobre a tenebrosa fase de sua vida. “Eu estava tão perdida que não podia imaginar uma vida sem usar. Eu só queria morrer. Não percebi que quase não estava viva”.

Reprodução/Daily Mail
Diagnosticada com depressão pós-parto, Melissa Lee Matos encontrou no amor de suas filhas a solução para enfrentar o vício em heroína

Mas tudo isso mudou quando Melissa percebeu que poderia perder suas filhas, as duas coisas mais importantes em seu mundo. Ela lembrou ainda que sua filha mais velha, Katherine, hoje com 11 anos, foi que quem mais a apoiou em um momento que sua vida entrava em um grande colapso de abuso de drogas.

Nos momentos mais críticos do vício, a pequena era responsável por dar apoio e fazê-la se sentir melhor quando estava à beira do fim. Melissa se trancava em seu quarto e passava horas injetando heroína ou se

O que sua filha não sabia na época era que Matos tinha se trancado por horas, injetando heroína ou cheirando Xanax.”[Ela] ficava ao meu lado, como uma mãe faz quando seu filho está doente”, disse Matos em entrevista a um site local. Assim, a pequena Katherine assumiu o papel de dona de casa, cuidando da irmã mais nova com a lição de casa e outras demandas da rotina familiar.

Confira algumas fotos: 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.