Desânimo: saiba evitar e como voltar a ter prazer no dia a dia

Entenda a origem desse sentimento e como reverter o quadro

Quem nunca sentiu preguiça, não é mesmo? O sinal de alerta surge quando, com frequência, você se pega pensando: “que preguiça, tenho que estudar”, ou “gostaria de nunca mais ter que trabalhar”. Começar o dia nessa frequência, entretanto, não é bom. Pode parecer difícil, mas é possível reverter esse quadro.

COMO VENCER O DESÂNIMO E VOLTAR A TER PRAZER NO DIA A DIA?
Quinto episódio da websérie ‘Respira’ ensina como superar sentimentos que ‘roubam’ a nossa energia

De onde vem o desânimo e como ter prazer no dia a dia

O desânimo é irmão da preguiça e é normal, às vezes, sentir-se desanimado. Mas se esse tem sido um estado frequente para você, se questione se você tem sentido prazer para realizar as suas atividades. Caso a resposta seja não, você terá que encontrar prazer de alguma forma.

O primeiro passo é entender que o nosso pensamento e a mudança de perspectivas são fundamentais. Pare, respire e observe seus sentimentos. Tentando compreender o que está sentindo e de onde vem essa sensação. Depois, faça um pacto com você mesmo de gerar momentos prazerosos. Se não der para buscar prazer o tempo todo – porque às vezes não dá mesmo – tente gerar esse sentimento algumas vezes no dia.

Mesmo que seja um pequeno gesto, como cozinhar algo que goste, você passará a olhar seus problemas de forma mais suave e determinada.

Assista abaixo a websérie ‘Respira’ sobre como superar sentimentos que ‘roubam’ a nossa energia:

Texto produzido por Regina Restelli e publicado no Personare.

Em parceria com Personare

Compartilhe:

Tags:#Saúde