Direito da mulher: creches têm o dever de armazenar leite materno

Os direitos da mulher no período pós-parto configuram um assunto de crucial importância para garantir a segurança e a saúde tanto do bebê quanto da própria mãe.

Os cuidados referentes à amamentação fazem parte deste guarda-chuva de direitos. Por isso, desde 2016, os CEIs (Centros de Educação Infantil) são orientados a receber e armazenar o leite materno das mães que estão em período de amamentação.

A medida visa garantir uma nutrição adequada para os bebês que passam o dia na instituição. De acordo com a Coordenadoria de Alimentação Escolar (Codae), que regulamenta a medida, as creches devem garantir uma oferta de leite materno durante o desjejum, lanche, almoço, lanche e refeição da tarde.

No entanto, ainda há casos de instituições que não seguem as orientações recebidos, e se recusam a receber o leite das mães. O motivo alegado muitas vezes é de natureza facilmente cortonável, como espaço físico limitado e carência de funcionários disponíveis para tratar especificamente dessa função.

Orientar as creches a armazenar leite é uma forma de acolher as mães que não podem se deslocar até o local para amamentar. Segundo o Codae, os CEIs devem “acolher a mãe, entender como é a rotina da criança e adaptá-la à unidade.
Orientar as creches a armazenar leite é uma forma de acolher as mães que não podem se deslocar até o local para amamentar. Segundo o Codae, os CEIs devem “acolher a mãe, entender como é a rotina da criança e adaptá-la à unidade.

Como fazer?

Há um método específico para armazenar o material. O leite materno deve ser enviado para o local onde se deseja guardar. O leite deve chegar congelado em embalagens individuais e já em quantidades adequadas para cada mamada.

Outro cuidado a se tomar é identificar bem o recipiente com o nome da criança e a data de coleta do leite, para não incorrer no risco de o leite estragar antes de ser consumido. Todas essas medidas são de responsabilidade da família do bebê. Em caso de materiais que cheguem às creches não cumprindo alguma dessas orientações, o Codae orienta as instituições a recusar o recebimento.

*Com informações de Maternar

Leia mais:

1 / 8
1
04:53
Netflix e KondZilla lançam ‘Sintonia’, da periferia para o mundo
KondZilla tem razão quando afirma: "A favela venceu". “Sintonia”, a nova série da Netflix, prova isso. A ideia original é dele …
2
04:21
Sinais que indicam problemas no estômago
Ter tosse seca pode ser um sinal que o seu estômago não vai muito bem. Hoje, o Dr. Raul Cutait, médico …
3
03:43
O estrago de Frota é maior que o Bolsonaro poderia acreditar
Após ser expulso do PSL, o deputado federal Alexandre Frota confirmou sua filiação ao PSDB, partido de João Doria, governador …
4
03:03
Câmara aprova projeto de lei sobre abuso de autoridade
A Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei que define quais situações configuram abuso de autoridade. Agora, o texto …
5
04:07
Um pedido de desculpas à Angela Merkel pelas ofensas de Bolsonaro
Depois de dizer a um repórter que ele deveria fazer cocô dia sim, dia não para preservar o meio ambiente, …
6
03:26
Mortes provocadas pelo fim dos radares deveriam ter nome de Bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro determinou nesta quinta-feira, 15, a suspensão dos radares de fiscalização de velocidade móveis em rodovias federais …
7
04:56
‘Risk’, na Netflix, vaza a imagem não autorizada de Julian Assange
Será que, em um ato de coragem, você arriscaria sua própria liberdade para trazer à tona realidades que manipulam a …
8
07:44
Saiba tudo sobre os métodos anticoncepcionais
Prevenção é essencial quando o assunto é relação sexual. Hoje, há outros modos de prevenção que vão além da pílula e …