Últimas notícias:

Loading...

Em entrevista, Cara Delevingne fala sobre depressão

A modelo e atriz confessou que já chegou a ter pensamentos suicidas

Por: Redação

Em uma entrevista recente, Cara Delevingne falou sobre seus problemas com depressão. “Acho que comecei a lidar com depressão de verdade quando eu tinha uns 16 anos”, ela relembrou, “quando todos os problemas com a minha família começaram a fazer sentido e vieram à tona. Eu sou muito boa em reprimir emoções e parecer bem”.

A adolescência foi um período difícil para a modelo e atriz, quando ela sentia-se muito pressionada para ser uma boa aluna e satisfazer as expectativas dos pais dela, que são de famílias ricas e influentes. “Eu era suicida. Não podia mais lidar com isso. Percebi quão sortuda e privilegiada eu era, mas tudo que eu queria era morrer. Eu me sentia muito culpada por isso e me odiava por causa disso – então é um ciclo. Não queria mais existir. Eu queria que cada molécula do meu corpo se desintegrasse. Queria morrer”, ela contou.

Cara chegou a ficar longe da escola por seis meses enquanto batalhava contra a depressão. Nesse período, ela preferiu passar a tomar medicamentos a ser hospitalizada. Hoje, ela ainda tem que lidar com esse problema. “[A depressão] é algo muito estranho de se sentir… Especialmente quando eu comecei a me tornar bem-sucedida, obviamente o meu ego começou a crescer, mas ao mesmo tempo, a ideia que eu tinha de mim mesma diminuiu. Então eu gostava da pessoa que os outros achavam que eu era, mas a verdadeira eu se odiava muito”.

Você pode ler a matéria original na íntegra, em inglês, no site Esquire.

Se você estiver precisando de ajuda ou conhecer alguém que está nessa situação, pode contatar:

Compartilhe: