CORONAVÍRUS
Tudo o que você precisa saberÚltimas notícias e tudo que você precisa saber

Entenda para que servem os cones hindus

Técnica é indicada para todas as idades e pode ajudar na dissolução de emoções negativas

Por: Personare

Os cones hindus são conhecidos por diversos nomes, como cones chineses, velas de Hopi ou velas de ouvido. Essa variedade é por causa dos vários povos que se utilizavam desta técnica de limpeza há milhares de anos, reconhecidamente na Índia e na China.

A técnica une os conceitos do poder transformador do fogo e da física. Através da baixa pressão (produzida pela queima do cone) e do movimento do ar (que ajuda na limpeza, energias densas, pensamentos e sentimentos nocivos), dores e incômodos físicos podem ser transmutados. O formato do cone é específico para atuar através dos campos energético, emocional, mental e físico.

O QUE SÃO CONES HINDUS?
Técnica promove limpeza energética para dissolver pensamentos nocivos. Foto: Bigstock

Como funciona?

No momento da queima do cone, ocorre a combinação entre os elementos fogo e ar. Tal combinação permite que as energias mais densas sejam movimentadas através do princípio da sucção. As cargas acumuladas são levadas para dentro do cone, em direção ao fogo, para que possam ser transmutadas e, como consequência da limpeza, o sistema energético se ative e flua naturalmente.

Os cones são produzidos artesanalmente com cera de abelha, óleo essencial e puro algodão. A técnica deve ser aplicada por um profissional habilitado, ou seja, terapeutas holísticos. Para pessoas em crise é indicado que seja feito até duas vezes na semana. Em casos de tratamento, uma vez por semana ou por quinzena.

Indicações de tratamento com cones hindus ou cones chineses

No campo energético: para limpeza dos chakras, desobstrução dos canais energéticos e energização do campo como todo;

No campo emocional: ajuda na dissolução de emoções negativas, como desespero, agonia, tristeza profunda, ciúme, raiva e apego;

No campo mental: ajuda a equilibrar os hemisférios do cérebro e reduzir os pensamentos excessivos.

Continue lendo aqui para entender melhor como a técnica funciona e outras indicações de tratamento utilizando os cones hindus.

Texto produzido por Simone Kobayashi e publicado no Personare.

Compartilhe:

Por: Personare

Termos da rede:

Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do usuário personare da Rede Catraca.

O Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

1
O que a ciência e o Ministério da Saúde pensam sobre o coronavírus
Este Giro Catraca Livre vai ser um pouquinho diferente. Ao invés da gente mergulhar num tema e tentar traduzir ele …
2
Estádios e centros de eventos viram hospitais temporários pelo país
Para aumentar a oferta de atendimento médico para os pacientes da covid-19, hospitais de campanha estão sendo construídos em estádios …
3
Coronavírus: bancos de sangue de SP estão baixos e pedem doações
Desde o Carnaval os estoques de sangue de São Paulo operam em sinal de alerta e a situação ficou ainda …
4
Coronavírus: informações importantes para você não entrar em pânico
A Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou situação de pandemia de Covid-19, o novo coronavírus. O termo pode assustar, mas …
5
OMS declara pandemia de coronavírus
A Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou situação de pandemia de Covid-19, o novo coronavírus. Mais de 109 países foram …
6
Aprenda a lavar as mãos corretamente para se proteger do coronavírus
A epidemia do coronavírus põe o mundo em alerta. Para se proteger contra o vírus, entretanto, basta um método básico …
7
Coronavírus: Brasil está pronto para lidar com a doença, diz ministro
O Ministério da Saúde confirmou na quarta-feira, 27, o primeiro caso do novo coronavírus no Brasil. O paciente é um …
8
Coronavírus: doença pode se tornar uma epidemia no Brasil?
Desde os primeiros rumores do surto de coronavírus na cidade de Wuhan, na China, em dezembro, uma enxurrada de informações …