Últimas notícias:

Loading...

Garota de 15 anos supera câncer após médicos dizerem que ela não sobreviveria

Por: Redação
Foto: Carolina de Souza/ arquivo pessoal
A jovem ao lado do irmão

A menina Carolina Camargo de Souza tinha 10 anos de idade quando recebeu a notícia de que tinha um câncer tão agressivo que, possivelmente, quimioterapia e radioterapia não resolveriam.

A avaliação dizia que ela tinha 42 nódulos malignos na coluna. Ainda assim, a garota insistiu no tratamento – mesmo após ouvir de oito médicos que ela não sobreviveria.

Mas ela resistiu. Na véspera do Dia Mundial da Luta Contra o Câncer, que é comemorado nesta quarta-feira, 8, ela celebrou outra data importante: seu aniversário de 15 anos.

“O segredo é nunca deixar de acreditar que a cura vai chegar”, falou a jovem ao G1. Na entrevista, ela contou que já passou por duas cirurgias e fez quimioterapia.

A garota recebeu muito apoio durante sua recuperação, como de sua mãe, de seu irmão e de Giselda Cullen, vice-presidente de uma instituição que luta contra o câncer infantil em Piracicaba, interior de São Paulo. “Eu fui convidada por uma amiga a visitar a Carol. Aos 10 anos, ela pesava 18 quilos, era muito frágil. É impressionante ver como ela reagiu. Hoje, é ela quem visita crianças e dá incentivo aos pequenos”, explicou Giselda.

Foto: Suzana Amyuni/G1
Carol ao lado de sua “madrinha” Giselda

Carolina explica que foi se recuperando e ganhando peso aos poucos. Ela ainda não está completamente curada, mas já está bem melhor e vai até à escola. “Os médicos dizem que eu sou uma inovação, porque sou a única a resistir a esse tipo de câncer. Eles falaram que eu não ia chegar aos 15 anos e estou aqui. Foram cinco anos de milagre”, comemorou.

Leia a matéria na íntegra aqui.

Compartilhe:

Tags: #Câncer