CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Mãe obtém direito de plantar maconha medicinal no RS

A família de Caroline é a primeira no Rio Grande do Sul a ganhar o direito

Por: Redação

Uma mãe de Canoas (RS) conseguiu na Justiça o direito de plantar maconha medicinal para filha de 9 anos que é portadora de tipo raro de epilepsia.

Crédito: Arquivo pessoalCaroline faz atividades que não seriam possível sem o uso do óleo de cannabidiol

A decisão da 4ª Vara Criminal da cidade foi proferida na semana passada. Foram quase dois anos de luta judicial para a professora Liane Pereira, 50 anos, conseguir o direito de plantar e cultivar cannabis sativa, planta que dá origem à maconha, para produzir de forma caseira o óleo canabidiol –CBD–, medicamento feito à base da planta e liberado pela Anvisa.

A pequena Caroline sofre com as crises frequentes convulsões e internações causadas pela síndrome de Dravet, forma rara de epilepsia.

Em entrevista ao G1, Liane conta que a filha chegava a ter de 30 a 50 por dia antes do uso do óleo medicinal. Hoje, as crises diminuíram significativamente

A família de Caroline é a primeira no Rio Grande do Sul a ganhar o direito. “É uma vitória. O óleo realmente tem mudado não só a vida dela, mas a nossa”, afirma a mãe. Segundo ela, a menina não usa mais sonda gástrica, come sozinha e vai ao shopping sem cadeira de rodas.

Compartilhe:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.