Meningite pode matar; saiba como prevenir

Por: Redação | Comunicar erro

Esta terça-feira (24) é o Dia Mundial de Combate à Meningite. A data foi criada para conscientizar sobre seus riscos dessa doença e a importância da prevenção e do diagnóstico precoce. A meningite consiste na inflamação das meninges, membranas que envolvem o cérebro e a medula espinhal.

Existem diferentes tipos de meningites; as causadas por bactérias e por vírus

Segundo o Ministério da Saúde, a meningite é considerada uma doença endêmica. Os casos da doença são esperados o ano todo, “com a ocorrência de surtos e epidemias ocasionais, sendo mais comum a ocorrência das meningites bacterianas no inverno e das virais no verão.”

Outros fatores também podem acarretar a doença, como alergias a certos medicamentos. O neurologista André Felício falou sobre a meningite para o portal Minha Vida, parceiro do Catraca Livre. Segundo ele, o tipo de meningite mais comum e menos perigosa é a viral.

Os vírus que causam esse tipo da doença podem ser transmitidos por meio de alimentos, líquidos e objetos contaminados. Ocorre com mais frequência entre o fim do verão e o começo do outono.

A meningite meningocócica, quando a bactéria causa inflamação grave nas membranas da medula é cérebro, pode causar sérios danos e é mortal em 50% dos casos não tratados, por isso deve ser considerada como urgência médica, de acordo com o site da Organização Mundial da Saúde (OMS).

“Os primeiros sinais de meningite, quando manifestados, são facilmente confundidos com os sintomas típicos da gripe. Eles geralmente aparecem de algumas horas até dois dias após a infecção”, contou o neurologista.

Os sintomas mais comuns são:

Crédito: Getty Images/iStockphotoAtenção para os sintomas

-Febre alta repentina
-Forte dor de cabeça
-Pescoço rígido
-Vômitos
-Náusea
-Confusão mental e dificuldade de concentração
-Convulsões
-Sonolência
-Fotossensibilidade
-Falta de apetite
-Rachaduras e presença de manchas vermelhas na pele.

Bebês recém-nascidos que contraem a doença podem ter quadros de febre, dor de cabeça, vômitos, confusão, rigidez corporal, moleira tensa ou elevada e inquietação.

No Brasil, a imunização contra a bactéria Haemophilus influenzae, principal causadora de meningite em crianças, faz parte do calendário obrigatório de vacinação infantil.

  • Leia também:

Compartilhe:

1 / 8
1
03:08
Será que você tem sinestesia?
Ouvir um som e sentir um gosto na boca; ver o número 8 como roxo. Nada disso é loucura: tratam-se …
2
02:23
Banho do Bebê – Sikana
Esse vídeo integra o capítulo “Higiene do Bebê” e contou com o apoio técnico de profissionais de saúde da Perinatal, …
3
02:13
Os benefícios da camisinha feminina
Muitos talvez não saibam, mas a camisinha feminina conta com uma série de benefícios. Além de prevenir a gravidez, protege …
4
05:54
Maternidade e sexo – Ana Paula Xongani
A criadora de conteúdos e empresária Ana Paula Xongani contou o que mudou na sua vida sexual após a maternidade.
5
04:55
Prazer das minas – Thaís Mayume Higa
A escritora e editora Thaís Mayume Higa conversou com a gente sobre os tabus envolvendo a sexualidade das minas.
6
07:03
Saúde LGBT – Thaís Machado e Iran Giusti
Conversamos com a médica da família e comunidade, Thaís Machado, e o fundador da Casa 1, Iran Giusti, para falar …
7
04:27
Sexo 60+ – Rita Cadillac
Conversamos com a Rita Cadillac para abordar o sexo após 60 anos de idade.
8
06:40
Dominatrix – BDSM
Estivemos em uma casa de BDSM para desvendar o que está por trás destas quatro letras e entender este universo …