Nutricionista fala sobre mitos e verdades da tapioca

Por: Redação

Pesquise a palavra “tapioca” no Google e você verá que aparecem várias matérias que associam a receita a uma dieta saudável. Ela é uma excelente alternativa para celíacos (e uma boa opção quando o objetivo é ganho de peso e demanda elevada de carboidratos), mas a tapioca não ajuda na redução de gordura corporal.

A nutricionista Aline de Andrade, graduada pela Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre e mestranda em Ciências da Saúde na UFSCPA, trouxe em seu site um artigo que explica alguns mitos e verdades que envolvem a tapioca.

“A tapioca é feita da goma de mandioca, é o polvilho umedecido, polvilho é amido, sendo assim é um carboidrato. É um alimento que contém poucas fibras, é pobre em nutrientes e sendo uma farinha altamente refinada possui alto índice glicêmico (IG). Sendo assim, possui liberação rápida, estimulando a liberação do hormônio insulina no sangue a fim de controlar os níveis glicêmicos, o que tende a favorecer o acúmulo de gordura”, escreveu Aline.

A tapioca é uma boa fonte de carboidrato simples, sem conservantes, corantes, de fácil digestão e preparo. Também pode auxiliar no ganho de peso e é uma alternativa para lanches pós-treino, diz a nutricionista.

Clique aqui e confira o artigo completo, com dicas para controlar o índice glicêmico da tapioca e se é bom ou ruim substituí-la por pão.

Compartilhe:

Tags:#Dieta