Últimas notícias:

Loading...

Pílula que vira balão gástrico promete mesmos efeitos de cirurgia

Por: Redação

Um vídeo que está circulando na internet mostra uma pílula que promete os mesmos efeitos de um balão gástrico. A princípio seria mais uma das inúmeras fake news que circulam nas redes sociais. Mas na verdade o “medicamento” existe e foi lançado em 2014 no Reino Unido.

As pílulas são projetadas para serem infladas dentro do estômago, reduzindo o tamanho do órgão e consequentemente a ingestão de alimentos.

pilula gastricA

Chamada de Obalon, o dispositivo foi aprovado na Europa para adultos com sobrepeso e obesidade. Ele é projetado para ser usado por um período máximo de três meses.

Como funciona

A pílula é composta por três balões leves que são colocados no estômago durante um período de 12 semanas. O número de balões usados ​​pode ser adaptado ao progresso da perda de peso da pessoa, com um único balão colocado no estômago inicialmente e balões adicionais adicionados se necessário.

Cada balão está contido em uma cápsula ou comprimido, ligado a um pequeno tubo que é usado para inflar o balão uma vez no estômago.

O balão é projetado para ser usado por pessoas com um  índice de massa corporal (IMC) de 27 ou acima, que anteriormente não conseguiram perder peso através de dieta e exercício.

Um IMC de 25 ou acima é considerado com excesso de peso (30 ou acima é considerado obeso ).

O procedimento é o mesmo do que tomar uma pílula de vitamina, mas com a supervisão de um médico, já que é usado um pequeno tubo anexo por onde será inflada após chegar ao estomago.

Depois que o balão é inflado, o tubo é removido, deixando o balão no estômago.

Segundo o fabricante, o procedimento leva cerca de 15 minutos e não é necessária sedação ou anestesia. Uma dieta especial é seguida por três dias depois, consistindo de líquidos claros apenas no primeiro dia e alimentos moles apenas no segundo dia, com a maioria das pessoas podendo comer alimentos sólidos no terceiro dia.

Um segundo balão pode ser introduzido 30 dias após o primeiro e um terceiro, 30 dias depois, dependendo do progresso de uma pessoa. Doze semanas após o primeiro balão ser ingerido, todos os balões são removidos usando um aparelho endoscópio . Sedação leve pode ser necessária para este procedimento, que leva cerca de 15 a 30 minutos.

Compartilhe:

Tags: #Obesidade
?>