Teste identifica substâncias tóxicas em fraldas descartáveis

Entre os elementos químicos nocivos, foi encontrado até glifosato, o agrotóxico mais usado no mundo

Por: Redação | Comunicar erro
bebê com fralda
Crédito: FG Tade/istockEstudo identifica 60 substâncias nocivas

A Agência Nacional de Segurança Sanitária da Alimentação, do Meio Ambiente e do Trabalho (Anses), da França, revelou ter encontrado produtos químicos tóxicos em fraldas descartáveis para bebês que excedem os níveis de segurança.

Entre as substâncias potencialmente perigosas para a saúde humana está o glifosato, o agrotóxico mais usado no mundo, apontado como causador de câncer.

Também foram encontrados desreguladores hormonais e resíduos químicos que causam distúrbios no sistema reprodutivo. De acordo com a Anses, esses foram os primeiros testes desse tipo no mundo feito em fraldas.

No total, foram analisadas amostras de 23 marcas de fraldas disponíveis no mercado.

Com essa análise, a conclusão é que há um risco para a saúde das crianças, já que esses produtos químicos podem migrar para a urina e entrar em contato com a  pele. Por isso, o governo francês convocou uma reunião com fabricantes de fraldas descartáveis e lhes deu um prazo de 15 dias para remover as substâncias potencialmente danosas. De acordo com o jornal Le Monde, foram identificadas pelo menos 60, incluindo perfumes que podem causar alergias.

A maioria dos bebês na França usa fraldas descartáveis, o que representa cerca de 4.000 unidades usadas nos três primeiros anos de vida. Um recém-nascido tem as fraldas trocadas, em média, oito vezes por dia. O mais seguro é ainda o modelo tradicional feito de tecido de algodão.

Compartilhe:

1 / 8
1
06:43
Após ser acusado de comunista, Dimenstein cobra provas de Hasselmann
A deputada federal Joice Hasselmann perdeu a calma nas redes sociais ao atacar o jornalista Gilberto Dimenstein, acusando-o de militante …
2
04:53
Netflix e KondZilla lançam ‘Sintonia’, da periferia para o mundo
KondZilla tem razão quando afirma: "A favela venceu". “Sintonia”, a nova série da Netflix, prova isso. A ideia original é dele …
3
04:21
Sinais que indicam problemas no estômago
Ter tosse seca pode ser um sinal que o seu estômago não vai muito bem. Hoje, o Dr. Raul Cutait, médico …
4
03:43
O estrago de Frota é maior que o Bolsonaro poderia acreditar
Após ser expulso do PSL, o deputado federal Alexandre Frota confirmou sua filiação ao PSDB, partido de João Doria, governador …
5
03:03
Câmara aprova projeto de lei sobre abuso de autoridade
A Câmara dos Deputados aprovou o projeto de lei que define quais situações configuram abuso de autoridade. Agora, o texto …
6
04:07
Um pedido de desculpas à Angela Merkel pelas ofensas de Bolsonaro
Depois de dizer a um repórter que ele deveria fazer cocô dia sim, dia não para preservar o meio ambiente, …
7
03:26
Mortes provocadas pelo fim dos radares deveriam ter nome de Bolsonaro
O presidente Jair Bolsonaro determinou nesta quinta-feira, 15, a suspensão dos radares de fiscalização de velocidade móveis em rodovias federais …
8
04:56
‘Risk’, na Netflix, vaza a imagem não autorizada de Julian Assange
Será que, em um ato de coragem, você arriscaria sua própria liberdade para trazer à tona realidades que manipulam a …