Vacina de célula-tronco barra três tipos de câncer em cobaias

Por: Redação

Uma descoberta de pesquisadores da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, pode abrir uma nova janela para os sistemas defensivos contra o câncer. Em laboratório, cientistas criaram uma vacina feita com células-tronco capaz de atacar tumores de mama, de pele e de pulmão.

Crédito: Getty ImagesAs células-tronco ensinam o sistema imunológico a lutar contra o câncer

O novo método, divulgado na última edição da revista especializada Cell Stem Cell, foi utilizado em 75 ratos. Todos receberam doses da vacina e posteriormente foram expostos células cancerígenas de mama. Desses, 70% rejeitaram completamente as células de câncer, enquanto os outros 30% tiveram uma redução significativa dos tumores.

A eficácia do teste foi o mesmo quando os cientistas repetiram o procedimento utilizando células de câncer de pulmão e de pele.

A fórmula da vacina tem como base células-tronco pluripotentes induzidas, que foram criadas a partir do organismo das próprias cobaias. O mecanismo de ação da vacina tem a ver com a ativação de células T, que são agentes de defesa do organismo capazes de reconhecer o tumor como invasor e, assim, atacá-lo.

Com o estudo, os cientistas agora esperam que no futuro se possa coletar células da pele, músculos ou sangue dos pacientes com câncer e reprogramá-las para a produção de vacinas. A ideia é usar esse procedimento como reforço de tratamentos convencionais, como a quimioterpaia e radioterapia.

Confira também:

Compartilhe: