10 dicas rápidas e úteis para quem quer ir a África do Sul

Por: Redação

Um amor chamado África do Sul: tem para todos os gostos, desde animas no Kruger Safari, vinhos maravilhosos na região das vinícolas em Stellenbosch e Franchhoek, culinária impecável, praia de Jeffreys Bay e Mossel Bay, surfe, história em Joanesburgo, estrada maravilhosa Garden Route, parques com muita natureza como o Tsitsikamma, enfim, tem como não amar?

O Cabo da Boa Esperança, na Cidade de Cabo, na África do Sul

Aqui vão dicas rápidas e úteis para planejar sua viagem a África do Sul.

1 – Voo: A duração do voo é de 10 horas e o fuso horário tem diferença de 4 horas adiantado do Brasil (horário de verão). Custa em torno de R$ 2.300 por pessoa.

Crédito: PicasaO Kruger Safari é um dos passeios imperdíveis na África do Sul

2 – Visto: Não precisa de visto para África do Sul, mas precisa da vacina da febre amarela. Eles conferem no check in se possui a carteirinha da Anvisa.

3 – Moeda: A moeda é rand. Levamos dólar e trocamos por rand no aeroporto de Johanesburgo. Atente-se as taxas (comission) pois varia de casas de câmbio. Algumas possui a cotação melhor, mas a comissão é maior, então sempre pergunte antes qual a comissão.

4 – Comida: No geral, comida é muito barata na África do Sul. Você come super bem, gastando entre 150 a 200 rand por pessoa, média dos pratos nas cidades, entre R$ 30 a R$ 40.

5 – Do aeroporto ao hotel: O trem Gautrain vai direto a Sandton, região mais central dos hotéis. O Gautrain é um trem moderno e mais rápido que o Uber, já que o Aeroporto fica longe do centro. Custa 167 rand com o cartão incluso, aí é só recarregar. Leva entre 10 a 15 minutos com esse trem. Ficamos uma noite no Faircity Quartermain Hotel, em Sandton.

Vista da Cidade do Cabo a partir da Table Mountain

6 – De Johanesburgo para Hoedspruit: O voo dura 50 min. O aeroporto é bem pequeno, rústico e com macacos! Se não quiser ir de avião, pode alugar o carro e ir até Hoedspruit, são 5h de viagem!

7 – Lodge: O charme de ficar hospedada em Hoedspruit e ficar em lodges maravilhosos e charmosos. Ficamos três noites no Ekhaya Bush Villa, um super aconchegante e charmoso! Fizemos dois safáris, um o dia inteiro no Kruger e outro somente pela manhã em uma reserva privada. Também fomos no Moholoholo Rehab Centre.

Nossa guia

8 – Garden Route: Para inicar a Graden Route, pegamos um voo de Hoedspruit a Port Elizabeth, onde alugamos o carro para fazer o caminho até Cape Town. Paramos em Jeffreys Bay, a famosa praia do surf, onde dormimos uma noite. Depois fomos no Tsitsikamma National Park, local para fazer tilhas e fizemos a Mouth Trail, da ponte suspensa.

Seguimos para Knysna, onde vale a pena pernoitar. Ficamos no Villa Paradisa, um guesthouse maravilhoso com vista para o lago. Seguindo em direção a Cape Town, paramos na praia de Mossel Bay, onde vale a pena conhecer também!

África do Sul produz um dos melhores vinhos do mundo

9 – Mão inglesa: O percurso todo da Garden Route são aproximadamente 1.000 km dirigindo em mão inglesa. Foi bem tranquilo. O freio e o acelerador é no mesmo lado que o Brasil, assim como a seta e para brisas. Tem que ultrapassar pela direita, carros lentos ficam à esquerda e a dica é que sempre os carros passam pela sua direita, lado que está dirigindo.

10 – Vinícolas: Franschhoek e Stellenbosch. Chegando na região das vinícolas, conhecemos as vinícolas Delaire Graff, Waterford, Tokara e La Motte. Também almoçamos no Overture, um dos melhores restaurantes da região. O menu degustação de 6 pratos foi simplesmente o melhor da minha vida, sem falar do lugar e da vista deslumbrante. Mesmo que você não goste de vinhos, vale muito a pena conhecer a região pois é muito bonito!

Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa
Picasa

E por fim, vamos até Cape Town onde devolvemos o carro e voltamos para o Brasil!

E você, que dica você dá para quem quer ir a África do Sul?

Por Priscila Kamoi, do blog Jornada Kamoi. Acompanhe o blog no Facebook e no Instagram.

Compartilhe:

1
03:32
Viva Chile: um passeio pela beleza da Cordilheira dos Andes
Está com viagem marcada para Santiago e ainda não faz ideia do que fazer na capital chilena? Então, antes de …
2
05:22
Conheça os brinquedos mais radicais dos parques de Orlando
A Catraca Livre foi para a Flórida, nos Estados Unidos, conhecer os parques mais divertidos da região a convite do …
3
03:24
Vovó deixa presídio e ensina como viajar pelo mundo
"As Melhores Surpresas do Mundo" é  o programa que discute as coisas mais inovadoras e surpreendentes que o mundo oferece. -------------------------------------------------------- DIREÇÃO: …
4
02:25
9 lugares incríveis para visitar de graça em Belo Horizonte
O Circuito Liberdade é um grande complexo cultural localizado em Belo Horizonte. Prédios públicos ganharam novos usos para hospedar arte …
5
01:49
9 lugares com uma vista incrível no Rio de Janeiro para você fotografar
Conheça 9 lugares incríveis e de graça para você curtir as paisagens do Rio de Janeiro e ainda tirar fotos …
6
01:31
O que fazer em caso de bagagem extraviada pela companhia aérea?
Um dos maiores medos de que vai pegar o avião é perder a bagagem. Saiba como proceder em uma situação …
7
01:17
Sky Costanera, o maior observatório da América Latina
O Sky Costanera é considerado o maior observatório da América Latina e fica em Santiago, no Chile. Nele é possível …
8
01:01
Zipflyer: a tirolesa só para quem tem MUITA coragem
A Zipflyer, é considerada a maior tirolesa do mundo e fica localizada em Pokhara, no Nepal. Ela conta com 1850 …