Aventura de jornalistas com carro popular pela América do Sul vira livro

Carina Furlanetto e João Paulo Mileski passaram 421 dias na estrada em um Sandero 1.0

Por: Redação
Ouça este conteúdo

E se em um belo dia você decidisse pedir demissão do trabalho, interromper os estudos e sair com o seu carro de passeio gastando todas as economias para uma aventura sem destino e data para voltar?

Essa é a história dos jornalistas gaúchos Carina Furlanetto e João Paulo Mileski —contada aqui na Catraca Livre–, que transformaram a aventura vivida ao longo de quase quatorze meses por 10 países no livro “Crônicas na Bagagem – 421 dias na estrada: uma jornada de desprendimento pela América do Sul”.

América do Sul
Crédito: Crônicas na Bagagem/DivulgaçãoEntrada no Salar do Uyuni, segundo o casal, foi um dos momentos mais marcantes da aventura

O livro foi produzido pela Editora Évora e contém 256 páginas de relatos e fotos que retratam as alegrias, perrengues e descobertas do casal ao longo da jornada.


#DicaCatraca: sempre lembre de usar a máscara de proteção, andar com álcool em gel, respeitar o distanciamento social e sair de casa somente se necessário! Caso pertença ao grupo de risco ou conviva com alguém que precise de maiores cuidados, evite passeios presenciais. A situação é séria! Vamos nos cuidar para sair desta pandemia o mais rápido possível. Combinado?


“Saímos com o que tínhamos, um Renault Sandero 1.0, e da forma que podíamos, sem dinheiro para pagar por hospedagem. Mais do que explorar os pontos icônicos do subcontinente, revelamos uma parte desconhecida de nós mesmos, como a capacidade de adaptação a realidades completamente distintas e a quebra de paradigmas que por muito tempo alicerçaram nossos conceitos de liberdade e felicidade”, afirma Mileski.

América do Sul
Crédito: Crônicas na Bagagem/DivulgaçãoPose para foto ao lado da Laguna Parón, no Peru

Segundo Carina, o livro mescla diários escritos ao longo da viagem com relatos inéditos produzidos após a volta para casa. Entre o início da escrita dos textos e a publicação, a preparação da obra durou quase sete meses. “Ao voltarmos para casa, passamos a ter uma outra perspectiva do que fizemos, um olhar de fora para dentro, e isso nos ajudou a contar a história da viagem de uma maneira mais abrangente da que contávamos nas redes sociais. Foi difícil tentar descrever tudo o que sentimos, mas estamos muito felizes com o resultado”, ressalta.

América do Sul
Crédito: Crônicas na Bagagem/DivulgaçãoPassagem do casal pelo Chile, à beira do Lago General Carrera, a poucos quilômetros da mítica Carretera Austral

Entre as histórias contadas com detalhes, está o improviso do carro como moradia – foram 168 noites nos bancos do Sandero -, o aprendizado com moradores locais nos países por onde passaram, a subida ao vulcão Villarrica, a epopeia para entrar na Venezuela, a viagem em um barco de galinhas na selva peruana, o encanto com as belezas da Patagônia e da Amazônia, entre outras histórias.

O livro pode ser adquirido na Amazon ao preço de R$ 59,90. O valor arrecadado com a obra vai ajudar o casal a financiar outra viagem com o Sandero. A ideia é chegar até o Alasca. “Fizemos algumas adaptações no carro e acreditamos que ele é suficiente para nos levar muito mais longe, até o outro extremo do continente”, conta Mileski.