Últimas notícias:

Loading...

Casa que morou Vinicius de Moraes vira hotel boutique na BA

O Casa Di Vina Boutique Hotel fica em frente ao mar de Itapuã, eternizado nos versos do poeta

Por: Redação

Já imaginou contemplar o mar de Itapuã das janelas da casa em que Vinicius de Moraes morou em Salvador? Essa experiência é possível no Casa Di Vina Boutique Hotel, localizado na vila de pescadores que tanto encantou o poeta.

Foi neste imóvel que Vinicius de Moraes se inspirou para compor uma de suas canções mais conhecidas, “Tarde em Itapuã“, musicada por Toquinho. Também foi lá que o poeta viveu, nos anos 1970, com a atriz baiana Gessy Gesse, o grande amor da sua vida.

Vinicius de Moraes casa hotel boutique
Crédito: DivulgaçãoFachada da Casa Di Vina, em Itapuã, que pertenceu ao compositor Vinicius de Moraes

A casa foi comprada pelos donos do Mar Brasil Hotel, que fica ao lado do imóvel em 2000. Em 2015, o espaço virou um “memorial”, com fotos, documentos e objetos da época em que Vinicius e Gessy moraram no imóvel.

Segundo Luisa Proserpio, proprietária do empreendimento, quando a casa foi comprada, não havia mobília. A cama original de Vinicius e Gessy foi resgatada em um antiquário. “A banheira voltada para o mar era o lugar preferido de Vinicius e onde ele compunha suas canções”, afirma Luisa, gerente de experiência do empreendimento.

Casa Di Vina Boutique Hotel
Crédito: Manuel Sá/DivulgaçãoA suíte do Casa Di Vina Boutique Hotel, em frente ao mar de Itapuã, em Salvador

Com a residência já integrada à infraestrutura atual, o hotel-boutique conta com 76 quartos e restaurante aberto ao público, além do memorial.

“Novo velho nome”

No último domingo, 21 de novembro, o Mar Brasil Hotel –que em 2022 completa 30 anos de existência, passou a se chamar oficialmente Casa Di Vina Boutique Hotel, nome como era informalmente conhecida a propriedade onde morou o poeta.

Casa Di Vina Boutique Hotel
Crédito: DivulgaçãoA nova piscina do Casa Di Vina Boutique Hotel

De acordo com Luisa, a escolha de um novo nome traduz melhor a história do local e a paixão dos proprietários por arte.

“A experiência que viemos desenhando nestes derradeiros anos se consolida com a revitalização da suíte Vinicius de Moraes, uma nova piscina com 22 metros de comprimento e vista para o mar, um novo menu e drinques do restaurante, além da renovação do jardim do poeta e um novo gradil artístico inspirado na beleza natural de Itapuã assinado pela artista colombiana Elena Landinez”, conta.

A Casa Di Vina

O nome Casa Di Vina remete à forma de como os amigos do ‘poetinha’ chamavam o local. Atualmente o imóvel exala arte e cultura, acolhendo, em diferentes espaços, inúmeras obras e peças assinadas por expoentes do design nacional, como Sergio Rodrigues, quadros de Calasans Neto, Carybé, Chico Liberato, Cecéu Evangelista e cocares da comunidade Funil-Ô.

Casa Di Vina Boutique Hotel
Crédito: DivulgaçãoMemorial com objetos que pertenceram a Vinicius de Moraes

O espaço abriga ainda uma coleção de fotografias antigas e manuscritos, os quais ilustram os momentos do período que o Vinicius de Moraes viveu na capital baiana e compõem um acervo de relíquias cedido por Gesse que permanece exposto em um memorial aberto à visitação gratuita do público, sobretudo os fãs da bossa nova.

As acomodações da Casa Di Vina Boutique Hotel são distribuídas em seis categorias. Com décor que reflete a natureza de Itapuã, as suítes se caracterizam pelo ambiente tranquilo que induz ao ‘dolce far niente’ e faz com que os hóspedes se sintam como se estivessem na própria casa.

Vinicius de Moraes
Crédito: Manuel Sá/DivulgaçãoA banheira da Suíte Vinicius, que fica de frente para o mar de Itapuã, eternizado pelo compositor

Diferentemente do burburinho do centro histórico da capital, ao abrir as janelas das suítes é possível ouvir o barulho do mar ou admirar um jardim tropical.

A principal acomodação do hotel é onde o poeta costumava dormir, hoje convertida na Suíte Vinicius de Moraes.

Com 52 m2, conta com fotos e objetos originais da época, além de uma banheira com vista para o mar e uma minibiblioteca com as principais obras do artista, muitas delas escritas ali. O local também mantém a cama original da casa, além de azulejos e esculturas do artista Udo Knoff. As diárias na Suíte Vinicius custam a partir de R$ 670.

Gastronomia da Casa Di Vina

Aos serviços e experiências proporcionados pelo hotel soma-se o Casa Di Vina Restaurante, aberto ao público em geral e localizado na varanda da antiga propriedade do compositor.

Nesse encontro da gastronomia com a poesia destacam-se as culinárias mediterrânea e baiana, que são apresentadas em um menu variado de massas, frutos do mar e carnes, além de receitas ensinadas pela própria ex-mulher do compositor, como o Frango a Gesse e Vina e o drinque Tarde em Itapuã.

Além disso, e fiel à proposta de “brasilidade” do hotel, o restaurante dispõe de uma bela carta de vinhos nacionais, entre eles o rótulo Casa Di Vina, especialmente desenvolvido pela vinícola gaúcha Torcello nas versões merlot e tannat.

As diárias custam a partir de R$ 330 o casal, com café da manhã. O memorial e restaurante abrem de segunda a sábado, das 12h às 23h; aos domingos, entre 12h e 22h. Informações e reservas: www.casadivinabahia.com.br.

Compartilhe: