Últimas notícias:

Loading...
EM ALTA

Os países que aceitam brasileiros que tomaram a vacina CoronaVac

O imunizante do Butantan ainda não foi aprovado pela Agência Europeia de Medicamentos, mas alguns países já abrem exceção

Por: Redação
Ouça este conteúdo

Com o avanço da vacinação no mundo, os países vão aos poucos se abrindo para turistas. Muitos, no entanto, ainda não aceitam brasileiros que tomaram a CoronaVac.

Um levantamento realizado pela CNN na última sexta-feira, 17, mostra quais viagens internacionais os imunizados com a vacina do Butantan podem fazer.

espanha
Crédito: Javier Gonzalez/istockEspanha é um dos países que aceitam brasileiros vacinados com CoronaVac

Embora a CoronaVac ainda não tenha sido aprovada pela Agência Europeia de Medicamentos, países como Alemanha, Holanda e Espanha já aceitam a entrada de pessoas completamente imunizadas com as duas doses da vacina.

Por outro lado, Reino Unido, Canadá e Estados Unidos são alguns dos países que ainda não definiram protocolos sobre o tema.

vacina coronvac
Crédito: Tânia Rêgo/Agência BrasilEm alguns países, brasileiros já são aceitos com as duas doses da CoronaVac

Veja a lista atualizada pela CNN dos países que aceitam brasileiros com CoronaVac:

Alemanha

O Brasil foi recentemente retirado da lista das áreas consideradas de alto risco e, com isso, brasileiros que foram vacinados com a CoronaVac ou que ainda não completaram sua imunização, não precisam mais realizar quarentena para entrar na Alemanha.  A única exigência é apresentar um teste negativo realizado 72 horas antes da viagem.

Espanha

Brasileiros que completaram o esquema vacinal com duas doses da CoronaVac já são aceitos no país.

Holanda

A Holanda aceita certificados de vacinação para todas as vacinas da Lista de Uso de Emergência da OMS, o que inclui a CoronaVac.

Portugal

O país retirou a necessidade de quarentena a quem chega do Brasil e passou a admitir viagens não essenciais. Basta apresentar comprovante de realização de teste laboratorial molecular (RT-PCR) ou teste rápido de antígeno com resultado negativo, feito nas 72 ou 48 horas antes do embarque.

Compartilhe: