Últimas notícias:

Loading...

Voo direto para Bariloche todo dia, partindo de São Paulo

Aerolíneas Argentinas tem voo direto para Bariloche, quatro vezes por semana de dia e três à noite. Companhia também vai ligar SP a Salta

Todo dia terá voo direto para Bariloche saindo de São Paulo durante a temporada de inverno na América do Sul. A Aerolíneas Argentinas anunciou mais três frequências para o destino preferido dos brasileiros no país vizinho. A companhia também passa a oferecer a ligação aérea de São Paulo com o norte da Argentina, três vezes por semana, a partir de 4 de julho.

Bariloche, querida dos brasileiros na Argentina
Crédito: EmproturBariloche, querida dos brasileiros na Argentina

Com isso, os brasileiros poderão embarcar para Bariloche de dia ou à noite: são quatro voos com partida às 8h30 de São Paulo e pouso às 13h15 no destino de neve. As outras três frequências da Aerolíneas Argentinas saem daqui à 1h da madrugada, com chegada prevista lá para as 7h.

O país investe tudo no retorno dos brasileiros e, para isso, está ampliando os destinos oferecidos aos viajantes com ligações diretas. Essa é uma das estratégias, como nos contou o ministro do Turismo da Argentina, Matías Lammens, em entrevista na WTM Latin America 2022, feira do setor realizada em São Paulo no início de abril.

“Estamos trabalhando para ampliar a conectividade, aumentar os assentos disponíveis entre a Argentina e o Brasil, para recuperar o que havia antes da pandemia e também aumentar a quantidade. Nosso grande desafio é que isso não aconteça só com Buenos Aires. Que brasileiros que queiram ir para a Argentina possam ir para Mendoza, possam ir para Bariloche, possam ir a Salta, diretamente”, afirmou. “Temos um desafio grande de seguir conectando diferentes lugares do interior da Argentina, sobretudo com São Paulo, que é o ponto mais importante de emissão de turistas para o nosso país.”

Salta, no norte do país, também com voos direto de SP
Crédito: InproturSalta, no norte do país, também com voos direto de SP

Destinos de natureza na Argentina

O ministro acrescentou que seguem em alta no país as viagens com atividades ao ar livre e que o objetivo também é apresentar novas possibilidades de roteiros aos brasileiros, que hoje conhecem apenas opções como as Cataratas do Iguaçu. “Nós percebemos que havia uma grande demanda por destinos de natureza na Argentina, então desenvolvemos um produto específico chamado Rota Natural. Em cada província do país, por meio de um financiamento que vamos ter do Banco de Desenvolvimento da América Latina, de US$ 33 milhões, vamos poder incrementar a infraestrutura desses lugares”, disse Lammens.

Entre os destinos que vieram divulgar seus atrativos ao público brasileiro está La Rioja, no nosso vizinho, não a região espanhola de mesmo nome. Em evento no Consulado da Argentina em São Paulo, a cidade apresentou a Rota do Vinho Riojano. Embora também seja produtora de Malbec, com quantidades infinitamente menores do que Mendoza, La Rioja tem é na bebida à base da uva torrontés a sua especialidade. Porta de entrada para o norte da Argentina e localizada aos pés da Cordilheira do Andes, La Rioja exibe ainda o mesmo visual de cores fortes em tons terrosos como os vistos em Salta.

Por Fernando Victorino
Confira outras dicas de viagem no Instagram @ComoViaja

Em parceria com Como Viaja

Nathalia Molina e Fernando Victorino são jornalistas de viagem, interessados em lugares, culturas e histórias. Para acompanhar mais dicas e experiências, siga @ComoViaja no Instagram e no Facebook

Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do usuário Como Viaja

A Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

?>