Espírito Santo: o estado que mudou os índices de violência doméstica

O Espírito Santo decidiu dar um passo adiante e encarar de frente um problema que ainda afeta muitas regiões do país: a violência doméstica. Passou de um dos estados mais letais para as mulheres para um exemplo de combate a esse tipo de crime.

Mas nada disso aconteceu de forma natural, foi preciso criar políticas públicas eficientes pautas na conscientização, no mapeamento da vulnerabilidade e na promoção da segurança. O estado, por exemplo, foi o primeiro no país a criar uma delegacia a especializada apenas na apuração de crimes praticados contra a vida de mulheres.

No último episódio da série Ela Não Pediu, a Catraca Livre viajou até Vitória (ES) para entender o que foi feito por lá e como essas medidas podem ajudar outras regiões a colocar um ponto final nesse problema.

Campanha #ElaNãoPediu

Nenhuma mulher “pede” para apanhar. A culpa nunca é da vítima. A campanha #ElaNãoPediu, da Catraca Livre, tem como objetivo fortalecer o enfrentamento da violência doméstica no Brasil, por meio de conteúdos e também ao facilitar o acesso à rede de apoio existente, potencializando iniciativas reconhecidas

Mais episódios