Di Cavalcanti ganha exposição individual e gratuita no Sesc

Por: Redação
Até de de
Segunda – Terça – Quarta – Quinta – Sexta – Sábado
– Segunda a sexta, das 9h às 21h30, e sábados das 9h às 17h30
Preço: Gratis
Local: Sesc São Caetano
Sesc São Caetano – Rua Piauí – Santa Paula, São Caetano do Sul – SP, Brasil
Mais informações:
Telefone: (21) 2265-9933
Site: http://www.funarte.gov.br/espaco-cultural/teatro-cacilda-becker/
Até de de
Segunda – Terça – Quarta – Quinta – Sexta – Sábado
– Segunda a sexta, das 9h às 21h30, e sábados das 9h às 17h30
Preço: Gratis
Local: Sesc São Caetano
Sesc São Caetano – Rua Piauí – Santa Paula, São Caetano do Sul – SP, Brasil
Mais informações:
Telefone: (21) 2265-9933
Site: http://www.funarte.gov.br/espaco-cultural/teatro-cacilda-becker/
Até de de
Segunda – Terça – Quarta – Quinta – Sexta – Sábado
– Segunda a sexta, das 9h às 21h30, e sábados das 9h às 17h30
Preço: Gratis
Local: Sesc São Caetano
Sesc São Caetano – Rua Piauí – Santa Paula, São Caetano do Sul – SP, Brasil
Mais informações:
Telefone: (21) 2265-9933
Site: http://www.funarte.gov.br/espaco-cultural/teatro-cacilda-becker/

Um dos mais importantes pintores brasileiros do século XX, Di Cavalcanti, é tema da exposição em cartaz no Sesc São Caetano. Até o dia 13 de setembro, de segunda a sexta, das 9h às 21h30, e sábados das 9h às 17h30, a mostra pode ser vista, com entrada gratuita.

De 1920 até o fim de sua produção, Di Cavalcanti retrata as rodas de samba e os Carnavais

A obra “Mulata”, produzida em 1974, é um convite ao seu universo estético, próximo do Modernismo, cheio de cores e volumes. Ali, a representação da mulher negra é apenas uma entre as inúmeras temáticas presentes ao longo de sua carreira. Suas obras têm um olhar festivo, quase hedonista, ainda que constantemente atravessada pela crítica social.

Mulata, de 1974

O acervo Sesc de Arte Brasileira, representa parte significativa do patrimônio institucional e configura-se como importante suporte para o trabalho de ação cultural e educativa na área de artes visuais. Organizada segundo critérios estéticos, históricos e institucionais, tal coleção – que abrange arte moderna, contemporânea e popular – se encontra exposta permanentemente nas unidades do Sesc em todo estado de São Paulo.

Buscando democratizar o acesso a esse precioso patrimônio, o Sesc São Caetano apresenta o projeto “Obra em Foco” que procura, a cada edição. O espaço promove ora o encontro entre artistas, ora o diálogo com outras linguagens artísticas sempre estimulando a troca de saberes e o respeito a diversidade.