Imagem do Topo

7 rolés tradicionais no Rio que todo mundo precisa fazer!

Cara, tem muita coisa boa! Partiu!

Por: Karen Fideles | Comunicar erro

Tirando pontos turísticos clássicos como o Cristo Redentor e o Pão de Açúcar, tem muito rolés tradicionais no Rio de Janeiro que você não pode deixar de fazer. E a maioria é 0800, claro! Paisagens maravilhosas, samba, gastronomia clássica, cerveja, karaokê…

Se liga na lista da Catraca Livre com alguns desses passeios:

  • 1. Café da manhã na Confeitaria Colombo

    Crédito: DivulgaçãoLegenda: Confeitaria Colombo é um dos rolés tradicionais do Rio há mais de cem anos

    A centenária Confeitaria Colombo é mais do que tradição no Rio! Não dá para deixar de tomar aquele café da manhã ou lanche da tarde por lá. Fundada em 1894, ela é patrimônio cultural e artístico da Cidade Maravilhosa. A sede histórica, no Centro do Rio, abriga quatro restaurantes.

    Você também pode apreciar as delícias no CCBB (Centro Cultural do Banco do Brasil), no Café do Forte, de frente para a Praia de Copacabana, e no Galeão.

    Quando? Segunda a sexta, das 9h às 19h | Sábado e feriados, das 9h às 17h
    Onde? Rua Gonçalves Dias, 32 – Centro

  • 2. Piquenique na Lagoa

    Crédito: Alexandre Macieira/RioturLegenda: Partiu piquinique na Lagoa?!

    Quitutes, bebidinhas e aquela vista da Cidade Maravilhosa de tirar o fôlego: piquenique na Lagoa é de lei! Um passeio delicinha para fazer com a família, o crush e os amigos!

    Pode rolar ainda aquela musiquinha, slackline e tudo o  que a criatividade permitir! O importante é se divertir e apreciar a paisagem! Claro, com muito amor pelo meio ambiente.

  • 3. Fim de tarde na Mureta da Urca

    Crédito: Karen FidelesLegenda: Um dos pores do sol mais bonitos do Rio é o da Mureta da Urca

    Outro rolé imperdível no Rio é curtir aquele fim de tarde na Mureta da Urca! Seja na famosa Pobreta, em frente ao restaurante Urca Grill, ou lá no Bar Urca, o programa promete um dos pores do sol mais lindos da vida inteira.

    Com aquela cerveja gelada e um petisquinho de boteco então, o passeio fica completo! Especialmente aos finais de semana, o lugar é tomado pela galera, e você pode dar a sorte de curtir até um sambinha por lá. Perfeito para quem gosta de apreciar as maravilhas da cidade!

    Vem ver o que mais você pode fazer na Urca sem pagar nada!

  • 4. Pôr do sol no Arpoador

    Crédito: iStock Legenda: Curtir e aplaudir o pôr do sol no Arpoador é aquele programa que não pode faltar!

    Ver o pôr do sol no Arpoador é uma daquelas experiências inesquecíveis! Depois de curtir um dia de praia, a boa é subir a pedra, apreciar e aplaudir esse espetáculo da natureza.

    As areias de Ipanema e do Leblon se enchem de tons amarelo, laranja e rosa quando o sol vai se escondendo por detrás do Morro Dois Irmãos e da Pedra da Gávea. Cenário cinematográfico que merece palmas e muitas palmas!

  • 5. Karaokê na Feira de São Cristóvão

    Crédito: @novafeiradesaocristovao/FacebookLegenda: Festança no pavilhão mais amado da cidade recebe grandes atrações como Joelma e o Bloco Fogo e Paixão

    Chegando no Rio, a caminho da rodoviária, já se avista o pavilhão mais bonito da cidade: o Centro Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas, mais conhecido como Feira de São Cristóvão!

    Além de ser um verdadeiro paraíso gastronômico com pratos típicos da região, o lugar é reduto dos amantes do karaokê. São mais de 30 barracas para você soltar o gogó na companhia daquela cerveja gelada! O Sertão Carioca conta com mais de 10 mil títulos. Já no Bar’Lu, o ambiente é mais intimista. Se você quiser gravar um disco com a sua música cantada no palco, o ideal é o Bazar da Cantoria.

    O preço médio é R$ 2 por música, mas algumas casas têm promoções e cantoria de graça, como o Barokê.

    Quando? De terça a domingo
    Onde?  Campo de São Cristóvão | São Cristóvão
    Quanto? Gratuito (terça a sexta, das 10h às 18h) e R$ 5 (sexta a partir das 18h até 20h de domingo). Feriados e shows especiais têm outros valores.

  • 6. Praça São Salvador

    O que era pra ser só uma praça em Laranjeiras, com um coreto de um lado e parquinho infantil do outro, virou um point carioca onde a galera se encontra para conversar, ouvir música e tomar uma cerveja.

    O que não falta é programação na Praça São Salvador! Além da agitação durante a semana, rola a tradicional roda de samba comandada pelo grupo Batuque no Coreto aos sábados, a partir das 18h. Já o clássico choro Arruma o Coreto, patrimônio cultural imaterial do Estado, acontece todo domingo, das 11h às 14h.

    Onde? Praça São Salvador – Laranjeiras

  • 7. Batata de Marechal

    Legenda: Batata na quentinha e no saco: isso é Marechal

    Outro famoso rolé na Cidade Maravilhosa é experimentar a famosa batata de Marechal Hermes. Parte da cultura do subúrbio carioca, a quentinha não é só abarrotada de batata: tem calabresa, frango a passarinho, bacon, cheddar…

    As barracas ficam na saída da estação de trem de Marechal e, aos finais de semana, costumam formar filas enormes, principalmente na do Ademar, uma das mais conhecidas.

    Quando? Diariamente | De 16h30 a 1h30
    Onde? Rua João Vicente, 1543 – Marechal Hermes
    Quanto? R$ 10 a R$ 35