Theatro Municipal comemora ‘Dia do Palhaço’ com noites de circo

Vai perder as noites de circo GRÁTIS no Theatro Municipal?
Nos dias
10/12 - 11/12
2018
Às 19h. Os ingressos são distribuídos uma hora antes.

Teatro

Vai ter muita marmelada! Espetáculo ‘A Lona Uniu as Gerações’ tem apresentação do Palhaço Tubinho e participação especial de Dedé Santana

Respeitável público, quem já viu circo dentro do Theatro Municipal de São Paulo? Sim! Em comemoração ao “Dia do Palhaço”, o teatro mais lindão da cidade recebe o espetáculo circense “A Lona Uniu as Gerações”, com duas apresentações GRATUITAS nos dias 10 e 11 de dezembro, às 19h. Chegue cedo, pois, os ingressos começam a ser distribuídos a partir das 18h.

espetáculo do Circo Zanni
Crédito: Paulo Barbuto - divulgaçãoCirco Zanni é uma das trupes que participam do espetáculo

Com direção circense de Fernando Sampaio, da Cia. La Mínima, e direção geral e apresentação do Palhaço Tubinho, a montagem convida grandes trupes e artistas da cidade para homenagear o Circo-Teatro.

Entre os convidados, estão Circo Zanni, Cia. La Mínima, Palhaços Sem Fronteiras, Sabatino Brothers, Cia. Família Burg, Dupla Cia., Dimy Ilusionista, Palhaço Kuxixo, Rokan: o Mágico dos dedos ouro, Trupe Koskowisck, Bruno Edson Equilibrista, Rogério Piva, Portolouco, Angelita Vaz, Nico Serrano, Joinha e Jesse Cabral.

E o eterno trapalhão Dedé Santana faz uma participação especial no show. A montagem ainda tem um time de bailarinos e uma banda.

A trama narra o encontro entre um velho palhaço e um menino da cidade que recebe o circo. Curioso e encantado, o garoto torna-se aprendiz do artista veterano.

Mais circo!

Dois outros espetáculos acontecem em frente ao Theatro Municipal. A Família Burg e a Dupla Cia. encenam “Cabaré” no dia 10, às 17h30; já a Trupe Koskowisck apresenta “Olha o Palhaço no Meio da Rua” no dia 11, nesse mesmo horário.

espetáculo da Cia Circo Dança
Crédito: Paulo Barbuto - divulgaçãoA Cia. Circo Dança é outro destaque da homenagem

O Circo-Teatro

Criado no Brasil no comecinho do século 20, o Circo-Teatro inovou na estética das artes circenses ao inaugurar um novo ritmo narrativo, no qual os esquetes cômicos ou dramáticos são costurados por uma história única. Assim, a narrativa do espetáculo é contada por meio dos números.

Em sua origem, essa modalidade tinha textos adaptados de romances folhetinescos sobre mitologia, religião, fatos do cotidiano, entre outros temas. As montagem geralmente seguiam a estrutura das comédias e dos melodramas.

Compartilhe:

Autor: Por: Redação