Anti-PT, deputada mora em apartamento do Minha Casa, Minha Vida

Ana Caroline Campagnolo polemizou recentemente ao propor que os alunos filmem “professores doutrinadores”

Por: Redação | Comunicar erro
A deputada estadual Ana Caroline Campagnolo (PSL)
Crédito: Divulgação/Congresso NacionalA deputada estadual Ana Caroline Campagnolo (PSL)

A deputada estadual pelo PSL de Santa Catarina, Ana Caroline Campagnolo, que polemizou recentemente ao propor que os alunos filmem “professores doutrinadores” em sala de aula, é reconhecida por seu antipetismo radical. Ironicamente, Campgnolo vive em um apartamento financiado pelo Minha Casa, Mina Vida, programa de governo criado pelo PT.

De acordo com informações da coluna de Lauro Jardim, do jornal O Globo, a deputada entrou com processo contra a cooperativa Habitacional de Chapecó alegando que o valor do financiamento que recebeu é inferior ao valor do apartamento adquirido.

A ação foi considerada improcedente pela juíza Nadia Schmidt porque o valor do financiamento não precisa ser obrigatoriamente o integral do imóvel e que era obrigação da deputada ler o contrato. Ana está recorrendo da decisão.

Perseguição

A deputada estadual Ana Caroline Campagnolo (PSL)
Crédito: Reprodução/FacebookA deputada estadual Ana Caroline Campagnolo (PSL)

Ana Caroline Campgnolo, deputada pelo PSL, estimulou a perseguição a professores um dia depois da vitória de Jair Bolsonaro.

“Segunda-feira, 29 de outubro, é o dia em que os professores doutrinadores estarão inconformados e revoltados. Muitos deles não conterão sua ira e farão da sala de aula um auditório cativo para suas queixas político-partidárias em virtude da vitória de Bolsonaro. Filme ou grave todas as manifestações político-partidárias ou ideológica” e “denuncie”, pede Campgnolo.

Após a repercussão, o Ministério Público de Santa Catarina entrou com ação contra Ana Caroline, pedindo condenação por danos morais coletivos e, ainda, que seja concedida liminar para que ela se abstenha de manter qualquer tipo de controle ideológico das atividades dos professores e alunos de escolas públicas e privadas do estado.

O MPSC diz que a ação tem como objetivo “garantir o direito dos estudantes de escolas públicas e particulares do estado e dos municípios à educação segundo os princípios constitucionais da liberdade de aprender e de ensinar e do pluralismo das ideias”.

Compartilhe:

Tags: #politica
1 / 8
1
02:28
Quais são os sintomas que são gerados pelo estresse?
Com a correria do dia-a-dia somos facilmente pegos pelo estresse. E o nosso corpo indica sinais de que estamos fisicamente …
2
03:52
Surge o BolsoLula: os mesmos vícios da velha política brasileira
No vídeo, o jornalista Gilberto Dimenstein explica o conceito da expressão 'BolsoLula' e analisa as consequências da interferência política exercida …
3
04:15
Como os Beatles mudaram minha vida: parte 1
Como seria o mundo sem a inovação e energia que a música ganhou pós-Beatles. Imaginou? E se as pessoas também …
4
03:02
Jair Bolsonaro é louco, ignorante ou irresponsável?
O presidente Jair Bolsonaro fez um pronunciamento nesta quarta-feira, 21, apontando que ONGs poderiam estar por trás das queimadas na …
5
04:12
Netflix: ‘The Family- Democracia Ameaçada’ revela grupo secreto
A minissérie "The Family: Democracia Ameaçada", que pode ser vista na Netflix, mostra questões que te farão pensar em uma …
6
02:29
Operação Lava Jato ignora repasse suspeito de Paulo Guedes
Uma reportagem publicada pelo jornal Folha de S. Paulo mostra que a Operação Lava Jato poupou o ministro da Economia, …
7
02:40
Partículas de queimadas são encontradas em água de chuva em SP
O fenômeno que atingiu São Paulo na última segunda-feira, 19, e transformou o dia em noite em diversas regiões do …
8
03:36
Nem os eleitores de Bolsonaro concordam com a indicação de Eduardo
Em meio às polêmicas que dão o tom nos primeiros oito meses do governo Bolsonaro, uma pesquisa recente mostra que …