Bolsonaro diz que Haddad vai apodrecer na cadeia

Declaração foi transmitida a manifestantes a favor de sua candidatura na avenida Paulista

Por: Redação | Comunicar erro
Crédito: divulgação Bolsonaro (foto) diz que Haddad vai apodrecer na cadeia

O candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL), afirmou neste domingo que fará uma “faxina” e que os “marginais vermelhos” serão “banidos” do Brasil. “Aqui não terá mais lugar para a corrupção. E seu Lula da Silva, se você estava esperando o Haddad ser presidente para soltar o decreto de indulto, eu vou te dizer uma coisa: você vai apodrecer na cadeia. E brevemente você terá Lindbergh Farias [senador do PT] para jogar dominó no xadrez. Aguarde, o Haddad vai chegar aí também. Mas não será para visitá-lo, não, será para ficar alguns anos ao teu lado”, disse Bolsonaro. “Já que vocês se amam tanto, vocês vão apodrecer na cadeia. Porque lugar de bandido que rouba o povo é atrás das grades.”

A declaração foi transmitida a manifestantes a favor de sua candidatura na avenida Paulista, em São Paulo, e “dedicada a todo o Brasil”. O presidenciável disse que seus apoiadores são a maioria e que eles são “o Brasil de verdade”.

fernando haddad
Crédito: reprodução/TV GloboBolsonaro diz que Haddad (foto) vai apodrecer na cadeia

“Perderam ontem, perderam em 2016 e vão perder a semana que vem de novo. Só que a faxina agora será muito mais ampla. Essa turma, se quiser ficar aqui, vai ter que se colocar sob a lei de todos nós. Ou vão pra fora ou vão para a cadeia”, continuou Bolsonaro. “Essa pátria é nossa. Não é dessa gangue que tem uma bandeira vermelha e tem a cabeça lavada. Vocês não terão mais ONGs para saciar a fome de mortadela de vocês. Será uma limpeza nunca vista na história do Brasil.”

O candidato aproveitou para reafirmar que as Forças Armadas e de segurança terão papel importante em seu governo e que pretende tipificar como terrorismo as atividades do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST).

“Vocês verão umas Forças Armadas altivas. Que estará colaborando com o futuro do Brasil. Vocês, pretalhada, verão uma Polícia Civil e Militar com retaguarda jurídica para fazer valer a lei no lombo de vocês”, ameaçou.

“Bandidos do MST, bandidos do MTST, as ações de vocês serão tipificadas como terrorismo. Vocês não levarão mais o terror ao campo ou às cidades. Ou vocês se enquadram e se submetem às leis ou vão fazer companhia ao cachaceiro lá em Curitiba.”

Acompanhe outros conteúdos ligados às eleições deste ano nesta página especial

Compartilhe: