Brasil caminha para proibição total de fogos com poluição sonora

O Réveillon na Avenida Paulista, em São Paulo, por exemplo, será mais colorido e menos barulhento

Por: ANDA - Agência de Notícias de Direitos Animais
fogos de artifício e 2019
Crédito: Pixabay Os fogos de artifício barulhentos foram proibidos em diversas cidades pelo Brasil

O Réveillon da Avenida Paulista, em São Paulo, será mais colorido e menos barulhento na passagem de 2018 para 2019. A prefeitura atendeu a uma lei do município, que ainda precisa ser regulamentada, proibindo fogos de artifício que façam muito barulho. A decisão também levou em consideração os hospitais na região.

Os fogos de artifício que causam poluição sonora foram proibidos em diversas cidades pelo Brasil. Conscientes das consequências negativas provocadas aos animais pelo barulho das explosões, políticos apresentaram projetos de lei para proibir os fogos. Aprovados e sancionados, os projetos se transformaram em leis em vários municípios, em outros, seguem em discussão.

Campinas, no interior de São Paulo, proibiu recentemente a queima, soltura e manuseio dos explosivos. A lei que impede a prática foi sancionada pelo prefeito no início do ano de 2017. Sorocaba, cidade vizinha, seguiu o mesmo caminho e também realizou a proibição. No município, não é autorizado soltar fogos que causem poluição sonora em ambientes fechados ou abertos. O descumprimento da lei acarreta em multa de R$ 1 mil, valor que é dobrado em caso de reincidência.

Ainda no estado de São Paulo, os municípios de São Vicente, Peruíbe, Santos, São Manuel, Ubatuba, Campos dos Jordão e Itu também adotaram a restrição. Em Florianópolis (SC), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Pelotas (RS) e na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, projetos de leis que pretendem tornar a soltura de fogos uma prática ilegal estão sendo discutidos pelos parlamentares.

Confira o final desta história e outras notícias inspiradoras sobre animais na ANDA (Agência de Notícias de Direitos Animais).

Compartilhe:

Tags: #Animais
Por: ANDA - Agência de Notícias de Direitos Animais

O maior portal de notícias sobre animais do Mundo.

Termos da rede:

Este conteúdo - assim como as respectivas imagens, vídeos e áudios - é de responsabilidade do usuário ANDA - Agência de Notícias de Direitos Animais da Rede Catraca.

O Catraca Livre disponibiliza espaço no site para que qualquer interessado possa contribuir com cidades mais acolhedoras, educadas e criativas, sempre respeitando a diversidade de opiniões.

As informações acima são de responsabilidade do autor e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

1
A queda: entenda a polêmica que custou o cargo de Roberto Alvim
Após praticamente reproduzir um discurso do ministro nazista Joseph Goebbels, o ex-secretário de Cultura, Roberto Alvim, protagonizou uma polêmica que …
2
Impunidade de Victor não é caso isolado no Brasil de Bolsonaro
Victor Chavez, cantor sertanejo da extinta dupla Victor e Léo, foi condenado por agredir a esposa grávida de quatro meses …
3
Anarquia da ponte pra lá: a história do punk na periferia de SP
Autor do livro My Way, Valo Velho é história viva da cena anarcopunk de São Paulo. A Catraca Livre foi até …
4
Backer: entenda o caso das cervejas contaminadas
O Ministério da Agricultura suspendeu a venda de cervejas da marcar Backer e determinou que a empresa faça um recall …
5
O que é liberdade de expressão?
O que é liberdade de expressão? Entenda o significado e a importância desse direito tão importante para todos nós neste …
6
Entenda o acordo nuclear que envolve EUA x Irã
Errata: ao contrário do que aparece no vídeo, o nome do especialista entrevistado é Lucas Leite e não Felipe. O …
7
Depois de ataque e perseguição, Porta dos Fundos é alvo de censura
A Justiça do Rio de Janeiro resolveu mandar retirar do ar “A Primeira Tentação de Cristo”, um Especial de Natal …
8
“Imprecionante”: ministro Weintraub comete novo erro de português
O ministro da Educação, Abraham Weintraub, escorregou de novo na língua portuguesa e a internet não deixou passar. Ao agradecer um …