Damares e o meme pronto: ‘menino veste azul e menina veste rosa’

Ministra da Mulher, Família e dos Direitos Humanos no governo de Jair Bolsonaro comemora "uma nova era no Brasil" e dá show de ignorância

Por: Redação | Comunicar erro
damares
Crédito: reprodução/YoutubeDamares Alves: “menino veste azul, e menina veste rosa”

Damares Alves, a Ministra da Mulher, Família e dos Direitos Humanos no governo de Jair Bolsonaro (PSL), mostrou novamente que não deveria ocupar o cargo em que está. A “terrivelmente cristã”, como ela mesma se declarou, comemorou o início de uma nova era no Brasil, e gritou: “menino veste azul e menina veste rosa”.

O vídeo já viralizou nas redes sociais:

No Twitter, o termo “menino veste azul” figura nos trending topics nacionais. E, claramente, já se tornou meme.

Passados os memes (que, por sinal, estavam maravilhosos. PARABÉNS, INTERNET!), vamos falar sério agora? O que influencia no caráter, na dignidade humana, se uma criança quer usar azul, rosa, amarelo, vermelho ou qualquer que seja a cor?

O que influencia se uma criança quer brincar de carrinho ou de boneca? Quer jogar video-game ou bater uma bola com os amigos e as amigas? O que isso representa na condução do amadurecimento de uma criança?

Você já se fez essas perguntas, ou simplesmente reproduz conteúdo do zap zap?

Se a menina gostar de jogar futebol, por exemplo, ela pode se tornar uma Marta (aquela jogadora que foi considerada e melhor do mundo pela FIFA por cinco anos, sabe?). Se o menino gostar de brincar de boneca, ele pode ser tornar um ótimo pai, sensível e dedicado aos afazeres domésticos. Isso não seria de todo ruim, não é mesmo?!

Agora, se uma criança começa a desenvolver uma necessidade em se manifestar de acordo com o gênero oposto ao qual foi designado ao nascer, não precisa haver desespero. Você precisa dar apoio e acolhimento ao seu filho. Afinal, o amor deve ser incondicional.

Pensando nisso, a Catraca Livre retoma uma entrevista publicada em maio de 2017, na série “Mães que TRANSformam”, em que contamos a história de Zilda Vermont, que viu sua filha, uma mulher trans, ser assassinada. Confira:

Compartilhe:

1 / 8
1
05:43
Entenda a proposta de Bolsonaro para a educação domiciliar
O presidente Jair Bolsonaro assinou o projeto de lei que pretende regulamentar a educação domiciliar no país. Se aprovada pelo …
2
36s
Conheça o Norbert o cãozinho que faz todo mundo sorrir
Ele tem 17 cm e pesa 1,5 kg de pura fofura.
3
02:19
Katie Bouman: a mulher responsável pela foto do buraco negro
A cientista da computação Katie Bouman mudou a história da ciência ao liderar a equipe de 200 pesquisadores que capturou …
4
05:10
Danilo Gentili é considerado culpado e pode ir preso
O apresentador Danilo Gentili foi condenado a seis meses e 28 dias de prisão por conta do caso envolvendo a …
5
02:29
Decisões de Bolsonaro podem colocar em risco a segurança pública
Gilberto Dimenstein comenta algumas das últimas decisões do governo. Os novos projetos e definições - nas áreas de trânsito e …
6
03:09
Quem é Abraham Weintraub, o novo ministro da Educação?
O presidente Jair Bolsonaro anunciou através de sua conta no Twitter o novo ministro da Educação. Agora, será a vez …
7
03:36
Colégio de elite suspende 30 alunos por bullying em São Paulo
O Colégio Santa Cruz, um dos mais tradicionais de São Paulo, registrou um caso grave de bullying. A situação teve …
8
01:36
9 gentilezas que vão mudar o seu dia
Algumas pequenas atitudes podem transformar o seu dia e quem você é. Aprenda a praticar o bem para que a …