Eleições 2018: Caetano Veloso ataca Olavo de Carvalho

Compositor publicou neste domingo (14) o artigo “Olavo faz incitação à violência; convoco meus concidadãos a repudiá-lo”

Por: Redação | Comunicar erro
Crédito: Wikimedia Commons/YouTubeCaetano Veloso ataca Olavo de Carvalho (foto)

Em um artigo publicado neste domingo (14), Caetano Veloso citou um texto em que o escritor Olavo de Carvalho conclama seguidores a perpetrar uma escalada de ações violentas.

O texto “Olavo faz incitação à violência; convoco meus concidadãos a repudiá-lo” _assinado por Caetano na “Folha de S.Paulo”_ diz que, caso Jair Bolsonaro (PSL) seja eleito presidente do Brasil,  o autor sugere que “imediatamente à sua posse seus opositores sejam não apenas derrotados mas totalmente destruídos enquanto grupos, organizações e até indivíduos”.

“Ele diz que os que consideram Bolsonaro uma ameaça à democracia não estão lutando para vencer uma eleição e sim ‘pela sobrevivência política, social e até física’. Isso é anúncio de autoritarismo matador”, prossegue a denúncia de Caetano.

“Quando atacado a faca por um maníaco, todos os outros concorrentes à Presidência condenaram veementemente o atentado e seu autor; quando um eleitor seu matou um artista baiano que declarara voto no PT, Bolsonaro disse que não tinha nada a ver com isso”, citou o compositor em seu artigo.

Caetano comenta sobre a carreira de Carvalho. “Olavo é figura histórica da anti-esquerda. Catequizou gerações de jovens brasileiros a um anticomunismo delirante e ressentido”, diz. “Olavo hoje posa nos EUA segurando arma pesada. Quão útil será sua cruzada para a indústria armamentista?”, questiona o músico.

Crédito: reprodução/InstagramCaetano Veloso ataca Olavo de Carvalho em artigo

No texto, Caetano diz que “é evidente que todo cidadão brasileiro que mereça esse nome _seja ele Fernando Henrique Cardoso, Roberto Carlos, Roberto Schwartz, Suzana Vieira, Chico Buarque, Luiz Tenório de Oliveira Lima, Letícia Sabatela, Fernando Haddad, Zezé de Camargo, Miriam Leitão ou ACM Neto_ deve agir contra a possibilidade de eleição de Bolsonaro”. “A não ser que este desautorize publicamente o texto de Olavo”, pondera.

Por fim, o baiano esclarece que não é petista e nunca foi comunista. “Mas farei o que me for possível para vencer o crescimento da desigualdade e, acima de tudo, defenderei os direitos da pessoa humana. Ou vamos fingir que o candidato dele já venceu a eleição e, por isso, pode mandar matar quem não votou nele?”

Acompanhe outros conteúdos ligados às eleições deste ano nesta página especial

Compartilhe:

1 / 8
1
04:47
Entenda como o fogo na Amazônia virou uma crise internacional
O fogo que consome a Amazônia, maior floresta tropical do mundo, já representa 52,5% de todas as queimadas registradas no …
2
02:58
Como se prevenir de doenças
Você sabe o que são as doenças crônicas não transmissíveis? Hoje, a Dra. Aline Oliveira, médica de família, fala sobre ações …
3
03:13
Kinoplex: o cinema sem defeitos em São Paulo!
Quem disse que cinema de shopping é tudo igual? São Paulo acaba de ganhar um espaço exclusivo, com seis salas …
4
08:59
Vinicius Poit defende Salles como ministro do Meio Ambiente
O deputado federal Vinicius Poit (NOVO-SP) defendeu a permanência de Ricardo Salles como ministro do Meio Ambiente no Governo Bolsonaro. …
5
02:28
Quais são os sintomas que são gerados pelo estresse?
Com a correria do dia-a-dia somos facilmente pegos pelo estresse. E o nosso corpo indica sinais de que estamos fisicamente …
6
03:52
Surge o BolsoLula: os mesmos vícios da velha política brasileira
No vídeo, o jornalista Gilberto Dimenstein explica o conceito da expressão 'BolsoLula' e analisa as consequências da interferência política exercida …
7
04:15
Como os Beatles mudaram minha vida: parte 1
Como seria o mundo sem a inovação e energia que a música ganhou pós-Beatles. Imaginou? E se as pessoas também …
8
03:02
Jair Bolsonaro é louco, ignorante ou irresponsável?
O presidente Jair Bolsonaro fez um pronunciamento nesta quarta-feira, 21, apontando que ONGs poderiam estar por trás das queimadas na …