Últimas notícias:

Loading...

Estudante de 16 anos que deu à luz em Sorocaba morre de covid-19

Gilda Santos Costa teve bebê prematuro e estava imunodeprimida

Por: Redação
Ouça este conteúdo

Em Sorocaba (SP), morreu de covid-19 a estudante de 16 anos que deu à luz em 21 de julho.

Escola homenageou a estudante
Crédito: Reprodução/FacebookEscola homenageou a estudante

A morte ocorreu na quarta, 5 de agosto, mas só foi divulgada neste dia 12, uma semana depois.

A estudante Gilda Santos Costa, de 16 anos, estava no primeiro ano do ensino médio da escola estadual Joaquim Izidoro Marins, que fica na zona norte de Sorocaba.

Grávida, a adolescente precisou ser internada após passar mal no Conjunto Hospitalar de Sorocaba (CHS). E deu à luz a um bebê prematuro durante a internação.

A prefeitura de Sorocaba divulgou que Gilda era imunodeprimida, o que significa que tinha a imunidade debilitada.

A escola da estudante de 16 anos que deu à luz e morreu de covid-19 publicou uma homenagem para ela nas redes sociais.

O texto fala sobre o “jeitinho doce e um sorriso para oferecer” de Gilda. “Você conquistou amizades. Tua partida deixará saudades, que são a certeza de não te esquecer. Tão linda nossa menina, cheia de cachinhos e poucas palavras”, complementou a mensagem publicada.

Gilda foi sepultada no dia 6 de agosto no Cemitério Santos Antônio, em Sorocaba.

Sua filha segue internada.