Frota é condenado por difamação e injúria contra Jean Wyllys

O ex-ator pornô e deputado federal do PSL eleito por São Paulo espalhou fake news sobre o parlamentar do PSOL

Por: Redação
alexandre frota jean wyllys
Crédito: Reprodução/InstagramAlexandre Frota é condenado por injúria e difamação após divulgar fake news sobre Jean Wyllys

Nesta segunda-feira, 17, o deputado federal eleito pelo PSL em São Paulo, Alexandre Frota, foi condenado pela Justiça, em Osasco (SP), por injúria e difamação contra o parlamentar do PSOL, Jean Wyllys. Frota chegou a atribuir a Wyllys uma fala falsa sobre pedofilia.

Segundo informações do UOL, a pena é de 2 anos e 26 dias de prisão em regime aberto. A pena privativa de liberdade foi substituída por prestação de serviços a comunidade e limitação de fins de semana. Além disso, Frota deverá pagar uma multa de R$ 295 mil. Como a decisão é da primeira instância da Justiça, cabe recurso.

O CRIME

Em 2017 Frota postou em sua página oficial na internet uma foto de Wyllys, autor do processo, atribuindo-lhe a seguinte fala: “A pedofilia é uma prática normal em diversas espécies de animal (sic), anormal é o seu preconceito”. Jean Wyllys jamais fez tal afirmação.

Essa publicação gerou quase dez mil compartilhamentos e mais de quatro mil curtidas, além de cerca de dois mil comentários.

Compartilhe: