Jair Bolsonaro chama ativista sueca Greta Thunberg de ‘pirralha’

Presidente deu a declaração ao comentar sobre o posicionamento da adolescente sobre as mortes de índios

Por: Redação

Nesta terça-feira, 10, Jair Bolsonaro criticou Greta Thunberg, de 16 anos, e a chamou de ‘pirralha’.

O presidente concedeu entrevista coletiva na saída do Palácio da Alvorada e disse que não concorda com o espaço que a imprensa dá às declarações da ativista sueca.

jair bolsonaro greta
Crédito: Reprodução/Agência Brasil e InstagramJair Bolsonaro criticou Greta Thunberg em conversa com jornalistas

O assunto começou quando os jornalistas questionaram se o político está preocupado com as mortes de dois indígenas da etnia Guajajara em um atentado ocorrido no último sábado, 7, no Maranhão.

No dia do ocorrido, Greta compartilhou um vídeo sobre os indígenas brasileiros e escreveu que esses povos são assassinados ao tentar proteger a floresta do desmatamento ilegal.

“A Greta já falou que os índios morreram porque estavam defendendo a Amazônia. É impressionante a imprensa dar espaço para uma pirralha dessa aí, pirralha”, disparou ele.

Bolsonaro ainda afirmou que “qualquer morte preocupa” e que seu governo deseja “cumprir a lei”, posicionando-se contra desmatamento e queimadas ilegais.

Greta chama atenção desde a infância. A sueca foi diagnosticada com Asperger, um tipo de autismo, e realiza protestos para cobrar das autoridades ações concretas de combate às mudanças climáticas.

A resposta de Greta

A pequena, que de pirralha não tem nada, encontrou uma forma irônica para rebater Bolsonaro, sem ser necessário entrar em conflito com ele.

E, por isso, rapidamente entrou nos trending topics do Twitter, tornando-se um dos assuntos mais comentados do mundo nesta terça-feira. Confira: