Veja as celebridades que homenagearam Marielle Franco

Por: Redação Comunicar erro
Crédito: marielle francoMarielle Franco, assassinada brutalmente no Rio

O assassinato da vereadora do PSOL Marielle Franco, e do seu motorista, Anderson Gomes, na noite do dia 14 de março, no bairro da Estácio, região central do Rio de Janeiro, gerou comoção nacional, repercutindo, inclusive, na imprensa internacional.

Quinta vereadora mais votada do Rio nas eleições municipais de 2016, Marielle foi alvejada com pelo menos quatro tiros na cabeça e Anderson com três nas costas. A assessora da vereadora, que também estava no carro, não foi atingida pelos disparos.

Moradora do Complexo da Maré, comunidade carioca, a ativista era uma das vozes atuantes mais importantes dos direitos humanos no Brasil. Negra, feminista, lésbica e crítica ferrenha da ação violenta de alguns policiais militares nas favelas da capital fluminense, a voz da parlamentar ressoa mais forte que nunca, e continua viva no coração de todos aqueles que compartilham de seus valores.

Desde a morte da vereadora, diversas celebridades têm homenageado Marielle nas redes sociais por meio da hashtag #MariellePresente, prestando condolências às famílias das vítimas do atentado, e, tão importante quanto, dando significância e vida à luta da ativista.

No Twitter, a rapper Karol Conká disse que “a vereadora Marielle Franco foi executada no Rio enquanto milhares de brasileiros sonham com a igualdade, segurança e empatia”.

A cantora Elza Soares comoveu ao declarar que “toda morte me mata um pouco. Dessa forma me mata mais. Mulher, negra, ativista, defensora dos direitos humanos. Marielle Franco, sua voz ecoará em nós. Gritemos!”, escreveu.

A co-fundadora do movimento Black Lives MatterOpal Tometi, também se manifestou:

“Perdemos uma gigante hoje – nossa querida irmã e corajosa líder afro-brasileira, Marielle Franco. Rezando por todos os que a amaram e todos os que foram impactados por sua liderança.

Marcelo Tas lamentou o que ele chamou de “tragédia” e pediu uma mudança na “mentalidade” das pessoas.

A humorista Tatá Werneck disse que “tentaram calar” a vereadora.

View this post on Instagram

Quiseram te calar. Mas sua voz vai ecoar ainda mais

A post shared by Tata Werneck (@tatawerneck) on

Em uma foto no Instagram, Preta Gil se disse em luto pela morte da parlamentar e de Anderson Gomes.

Humberto Carrão publicou uma foto onde aparece ao lado de Marielle, a quem chama de “gigante”.

View this post on Instagram

Marielle gigante! Marielle presente!

A post shared by humbertocarrao (@humbertocarrao) on

Marcelo D2 se disse “chocado com a execução” da política. “Achei que nada mais me chocaria nesse país corrupto e assassino. Mas aqui realmente não se tem limite. Estou chocado.”

https://www.instagram.com/p/BgV1TJPlx1b/?utm_source=ig_embed&utm_campaign=embed_ufi_control

Cauã Reymond também se manifestou no Instagram.

Nathalia Dill declarou: “Vi a vereadora Marielle falar pessoalmente uma vez, nunca imaginaria que seria a última. (…) votei nela com muita fé… mulher forte, defendia causas justas… que a morte deles não seja em vão”.

Em um texto comovente e político, Carol Duarte se disse ‘desolada’ pela morte da vereadora, a quem ela chamou de “uma mulher linda, forte e guerreira”. A atriz relembrou a luta da ativista contra a intervenção federal e culpou o Estado [do Rio] pelo assassinato de Franco e Anderson. “É muito claro o que aconteceu. Eram claros os objetivos da vereadora, a luta dela ameaça diretamente os objetivos de um estado assassino, racista, misógino e homofóbico”.

Deborah Secco se disse “fraca”. “Eu espero que a luta dela não tenha sido em vão e que as mulheres cariocas e brasileiras honrem essa mãe que lutava por melhores caminhos para nossos filhos”, declarou.

View this post on Instagram

Que honremos sua história. Sua memória.

A post shared by Deborah Secco (@dedesecco) on

Mais recentemente, grandes nomes do entretenimento internacional se posicionaram sobre a morte de Marielle.

Durante apresentação no Rio no último domingo, 18, Katy Perry passou fotos da vereadora no telão, enquanto cantava um dos seus principais hits ‘Unconditionally’. Em seguida, a estrela da música pop convidou a filha e a esposa de Marielle para subir ao palco.

No Instagram, a atriz Viola Davis, primeira mulher negra a ganhar um Oscar, escreveu: “Acabei de ler sobre a mulher corajosa Marielle Franco, que lutou pelos direitos dos pobres nas favelas. Estou de pé e lutando com você, Brasil. Viva Marielle e Anderson!”.

No Twitter, Janelle Monáe declarou: “Diga o nome dela para sempre. #MarielleFranco”, e compartilhou várias notícias relacionadas à morte da militante.

A atriz Evan Rachel Wood, a Dolores da série “Westworld” publicou uma notícia sobre Marielle e escreveu que a vereadora foi “assassinada porque lutava pelos direitos humanos”.

Também no Twitter, Naomi Campbell relatou: “Me entristece ouvir que Marielle Franco, que dedicou sua vida à luta contra o racismo, preconceito e violência policial, foi assassinada. Vamos Brasil! Levante-se!”

Lauren Jauregui, do Fifht Harmony, escreveu: “Uma forte mulher de cor, lutando por justiça, é a pessoa mais visada nesses sistemas de poder. Ela era uma ativista brilhante, com muito amor e luz em seu coração, e foi assassinada. Eu rezo para que sua alma descanse na luz e ainda nos ajude a completar sua missão na Terra”.

Na última quinta-feira, 22, a cantora Zara Larsson também lembrou a morte da parlamentar e dedicou a canção “Symphony” (parceria com Clean Bandit) em sua homenagem, em show realizado no Audio Club, antes de sua apresentação no Lollapalooza Brasil.

Leia também:

1 / 8
1
09:33
Glenn Greenwald: Os limites do jornalismo no governo Bolsonaro
Em entrevista a Gilberto Dimenstein, da Catraca Livre, Glenn Greenwald, fundador do The Intercept Brasil, site responsável pela série de …
2
03:50
Clã Bolsonaro nomeou familiares para cargos de confiança
Uma reportagem publicada pela revista Época mostra que 17 familiares de Ana Cristina Valle, ex-mulher do presidente Jair Bolsonaro,  foram …
3
10:59
David Miranda x Coaf: Glenn Greenwald fala sobre a investigação
Uma matéria publicada pelo jornal O Globo deu destaque para um relatório do Coaf, em que o deputado federal David …
4
05:12
Glenn Greenwald fala qual foi a matéria mais importante da #VazaJato
Qual foi a matéria mais importante da #VazaJato até agora? Quem responde essa pergunta é o jornalista Glenn Greenwald, do …
5
04:32
É possível apoiar a #VazaJato ao mesmo tempo que a Operação Lava Jato?
O jornalista Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil, deu uma longa entrevista ao jornalista Gilberto Dimenstein sobre a …
6
06:21
Prefeito do Rio censura HQ dos Vingadores por conta de beijo gay
O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, mandou recolher todos os exemplares do gibi “Vingadores – A Cruzada das …
7
04:35
Facada em Bolsonaro completa um ano com mais uma cirurgia
O presidente Jair Bolsonaro, comemorou junto à imprensa nesta sexta-feira, 6, o que chamou de “aniversário” de um ano da …
8
10:37
Entenda a mente do Bolsonaro por Alexandre Frota e Fernando Holiday
Os deputados, ex-aliados do governo Bolsonaro, Alexandre Frota (PSDB) e Fernando Holiday (DEM) estiveram na Catraca Livre e falaram sobre …