Últimas notícias:

Loading...

MBL e Direita-SP se enfrentam em ato pró Moro por causa de Bolsonaro

Houve empurra empurra e socos

Por: Redação

Um grupo de manifestantes do Direita SP, ligado a parlamentares do PSL em São Paulo, provocou o MBL (Movimento Brasil Livre) por causa de Bolsonaro, no ato pró Moro, na avenida Paulista, neste domingo, 30.

Crédito: Reprodução/FacebookMBL e Direita-SP se enfrentam em ato pró Moro por causa do Bolsonaro

Os dois movimentos  participaram das convocações e da organização do ato. Com palavras de ordem como “fora daqui” e até “petralhas”, um grupo de cerca de 20 pessoas do Direita São Paulo causou confusão.

O conflito aconteceu porque o MBL apóia Sérgio Moro, mas não apoia Bolsonaro. Por isso, os integrantes do Direita São Paulo criticou com afinco o outro movimento com ideias de direita.

Segundo um dos funcionários do carro de som do MBL ao final da manifestação um grupo de cerca de 20 pessoas do grupo Direita São Paulo foi até os militantes do MBL com uma faixa que dizia “MBL vai tomar no *”. Houve então um empurra-empurra entre os integrantes dos dois movimentos e uma rápida troca de socos entre dois manifestantes. A briga acabou com a intervenção da Polícia Militar.

O MBL se manifestou após a briga.

O grupo Direita São Paulo se pronunciou no Facebook citando a Bíblia. “Esperamos uma retratação da Jovem Pan e outros veículos de comunicação. ‘E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará'”.