Ministro do STF suspende investigação sobre Queiroz

Segundo coluna de Lauro Jardim, do Globo, investigação foi suspensa a pedido de Flávio Bolsonaro

Por: Redação | Comunicar erro

Uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu as investigações sobre o ex-assessor de Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz, e outros assessores da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) no início da tarde desta quinta-feira, 17, “até que o Relator da Reclamação se pronuncie”. A informação foi confirmada pelo Ministério Público do Rio de Janeiro.

Queiroz passou a ser investigado pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) que, em dezembro, descobriu “movimentação atípica” de mais de 1,2 milhão de reais entre janeiro de 2016 e janeiro de 2017.

Policial militar Fabrício José Carlos de Queiroz era motorista de Flávio na Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro

“O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) informa que em razão de decisão cautelar proferida nos autos da Reclamação de nº 32989, ajuizada perante o Supremo Tribunal Federal (STF), foi determinada a suspensão do procedimento investigatório criminal que apura movimentações financeiras atípicas de Fabricio Queiroz e outros, “até que o Relator da Reclamação se pronuncie”.  Tramitado sob absoluto sigilo, reiterado na decisão do STF, o MPRJ não se manifestará sobre o mérito da decisão.

Segundo informação divulgada pela coluna do jornalista Lauro Jardim, do Globo, o pedido ao STF foi movido pela defesa de Flávio e foi distribuído ao ministro Marco Aurélio Mello para relatoria. A reclamação, acatada pelo ministro do STF, Luiz Fux, segundo o colunista, foi protocolada por Flávio Bolsonaro.

Com isso, a investigação está suspensa até que o relator do caso, Marco Aurélio Mello, se pronuncie. O processo corre em segredo de Justiça.

Compartilhe:

1 / 8
1
53s
Operação Lava-Jato prende ex-presidente Michel Temer
Em mais uma etapa da Operação Lava-Jato, a Polícia Federal prendeu na manhã desta quinta-feira, 21, o ex-presidente Michel Temer, …
2
02:53
Suzano e Nova Zelândia: os impactos da exposição excessiva
A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, disse que o nome do atirador que matou 50 pessoas em uma mesquita em …
3
02:28
Posse de armas: Nova Zelândia dá exemplo de civilidade ao mundo
Após chocar o mundo nesta semana com o massacre de 50 pessoas em duas mesquitas de Christchurch, a Nova Zelândia …
4
03:10
Entenda o mistério por trás da boneca Momo
Ainda mais perturbador, o Desafio da Momo está de volta e desta vez a boneca aparece supostamente dentro de vídeos …
5
02:25
Bolsonaro apoia a construção de muro entre EUA e México
Em viagem diplomática a Washington, o presidente Jair Bolsonaro disse apoiar a construção do muro na fronteira entre EUA e México, …
6
01:42
A nova decisão do STF e o futuro da Lava Jato
O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que a partir de então os crimes de lavagem de dinheiro e corrupção quando …
7
02:31
Atentado na Nova Zelândia: crimes transmitidos nas redes sociais
Mais um atentado terrorista chocou o mundo nesta sexta-feira, dia 15. Um atirador realizou ataques simuntâneos em duas mesquitas, deixando …
8
01:45
O lugar em que os atiradores de Suzano foram considerados heróis
Uma reportagem publicada nesta terça-feira, 14, pelo portal da Vice indica que os atiradores que invadiram a Escola Estadual Raul …