Últimas notícias:

Loading...

PM liberta jovem com deficiência mantido em cárcere privado

Ele usava uma bacia como banheiro em um quarto sem iluminação e ventilação

Por: Redação
Ouça este conteúdo

Na tarde deste domingo, 28, a Polícia Militar resgatou um deficiente de 23 anos que vivia em cárcere privado na Zona Leste de São Paulo. Ele estava em um dormitório trancado a correntes.

No local, segundo relatos da PM, não havia iluminação ou ventilação e estava muito sujo. O jovem usava uma bacia como banheiro.

Crédito: Polícia MilitarPM liberta jovem com deficiência mantido em cárcere privado

A PM encontrou o rapaz graças a uma denúncia anônima. A madrasta e o pai do rapaz foram detidos por maus-tratos.

Violência doméstica

Crédito: Getty Images/iStockphotoQualquer cidadão pode fazer uma denúncia anônima sobre casos violência infantil pelo Disque 100

Quando pensamos em violência doméstica, logo imaginamos pais batendo nos filhos. Mas esse tipo de violência infantil pode ser física, psicológica, sexual e manifestar-se por negligência, como: deixar a criança em casa sem vigilância, negligenciar cuidados médicos e alimentação adequada, exposição do menor a situações que gerem perigo à vida ou à saúde, utilização da criança para realização de trabalho.

Há um universo inteiro de formas como a violência pode se dar, como a síndrome de Munchausen por procuração (quando um dos pais simula sintomas de doenças inexistentes no filho), intoxicações, envenenamentos, violência virtua e até o extremo filicídio (quando a criança é morta por um dos pais).

Como denunciar?

Disque 100

Como nos casos de racismo, homofobia e outras violações de direitos humanos, qualquer cidadão pode fazer uma denúncia anônima sobre casos violência infantil pelo Disque 100. A denúncia será analisada e encaminhada aos órgãos de proteção, defesa e responsabilização em direitos humanos, respeitando as competências de cada órgão. Leia a matéria completa no link.

Compartilhe: