Últimas notícias:

Loading...

Sergio Moro desiste de se candidatar à Presidência

O ex-juiz vai se candidatar à deputado federal pelo União Brasil, partido criado a partir da fusão do DEM com o PSL

Por: Redação

Sérgio Moro desistiu da candidatura à Presidência da República, nas Eleições de 2022, pelo Podemos e decidiu se candidatar à deputado federal pelo União Brasil, partido criado a partir da fusão do DEM com o PSL.

Crédito: Agência BrasilSergio Moro desiste de se candidatar à Presidência

Sérgio Moro anunciou nesta quinta-feira, 31, a filiação no União Brasil. Não sair candidato à Presidência, mas sim, à deputado federal, era uma exigência de líderes do novo partido do ex-juiz.

Após reunião com o deputado federal Júnior Bozzella, vice-presidente do União Brasil em São Paulo, e o grupo de Alexandre Leite, filho do presidente da Câmara Municipal, Milton Leite, e antigo presidente do DEM estadual, Moro tomou a decisão de disputar a Câmara dos Deputados.

O União Brasil quer Moro candidato a deputado por diversos motivos, mas em especial para o ex-juiz ajude a legenda a ter uma maior representatividade no Congresso Nacional, nos próximos quatro anos, já que ele tem grandes chances de fazer muitos votos e com isso, não só se eleger, mas também puxar outros candidatos do partido para ocupar uma cadeira no legislativo.

Moro encontrou dificuldades no seu antigo partido, o Podemos, para viabilizar a candidatura à Presidência.

“Nota Oficial: O Brasil precisa de uma alternativa que livre o país dos extremos, da instabilidade e da radicalização. Por isso, aceitei o convite do presidente nacional do União Brasil, Luciano Bivar, para me filiar ao partido e, assim, facilitar as negociações das forças políticas de centro democrático em busca de uma candidatura presidencial única”, afirmou Moro

“A troca de legenda foi comunicada à direção do Podemos, a quem agradeço todo o apoio. Para ingressar no novo partido, abro mão, nesse momento, da pré-candidatura presidencial e serei um soldado da democracia para recuperar o sonho de um Brasil melhor”, finalizou Moro.

Compartilhe:

?>