Símbolo da extrema direita, Marine Le Pen critica Bolsonaro

"Bolsonaro diz coisas desagradáveis, intransponíveis na França"

Por: Redação | Comunicar erro
marine le pen bolsonaro
Crédito: reprodução/InstagramMarine Le Pen, símbolo da extrema direita francesa, critica Jair Bolsonaro

Nesta quinta-feira, 11, a líder da extrema direita na França, Marine Le Pen, criticou o candidato à Presidência da República do Brasil, Jair Bolsonaro (PSL). Derrotada nas eleições francesas ano passado em segundo turno para o candidato de centro Emmanuel Macron, Le Pen cedeu entrevista ao programa “4 Verdades”, do canal France 2, em que foi questionada sobre o parlamentar brasileiro.

A francesa foi questionada pela apresentadora Caroline Roux se desejava a eleição de Bolsonaro no Brasil, Le Pen se limitou a dizer que essa decisão cabia ao povo brasileiro e que ela respeitava a soberania dos povos.

Após discutirem as declarações homofóbicas, machistas e racistas de Bolsonaro, francesa ainda afirmou que não enxerga o candidato do PSL como alguém de extrema direita. “Ele diz coisas extremamente desagradáveis que são intransponíveis na França, são culturas diferentes. Desde que um candidato fale coisas desagradáveis, na França ele é catalogado de extrema direita”.

1º TURNO

Ao debater sobre o resultado do primeiro turno das eleições no Brasil, que garantiu 46% dos votos válidos a Bolsonaro, Le Pen dá os créditos da votação à campanha pautada em segurança pública e contra a corrupção. Ela citou dados da criminalidade no Brasil, evocando os 60 mil homicídios por ano no país, contra 700 casos na França.

“É uma criminalidade endêmica que atinge a liberdade dos brasileiros e, diante da tolerância do governo anterior, os brasileiros lançaram o alerta de que a segurança é uma prioridade para eles”, disse a francesa.

O MUNDO ALERTA

Não foi só Marine Le Pen que criticou o candidato do PSL. Ao redor do mundo, diversas personalidades políticas e veículos de comunicação influentes, como The New York Times (EUA), The Economist (ING) e Le Monde (FRA) já fizeram alerta sobre a possibilidade de o Brasil flertar com tempos sombrios, com uma possível eleição de Bolsonaro.

1 / 8
1
02:20
Novas regras para o uso de patinetes elétricas em SP
A prefeitura de São Paulo definiu novas regras para o uso de patinetes elétricas compartilhadas na cidade. Entre as  determinações …
2
08:30
Intercept: os principais pontos do depoimento de Moro no Senado
O ministro da Justiça, Sergio Moro, prestou esclarecimentos em audiência na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça do Senado) sobre …
3
04:04
E se Carlos Bolsonaro fosse gay?
O ex-deputado Jean Wyllys fez uma série de posts em sua rede social apontando que Carlos Bolsonaro, o filho 02 …
4
03:02
Empresas usaram disparos no WhatsApp durante eleição de Bolsonaro
Uma reportagem publicada pela Folha de S. Paulo mostra que empresas brasileiras contrataram uma agência de marketing na Espanha para …
5
01:49
Senado diz não e derruba o decreto de armas de Bolsonaro
O Senado votou na terça-feira, 18, o parecer que pede pela suspensão dos decretos que flexibilizam o porte e a …
6
03:54
Bancada do PSL passa vergonha ao convocar e desconvocar Glen Greenwald
O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) apresentou na quarta-feira, dia 12, um requerimento na Comissão de Segurança Pública da Câmara …
7
03:48
O melhor jornal do mundo faz a pior reportagem para Bolsonaro
Essa é a pior reportagem já publicada num jornal estrangeiro contra Jair Bolsonaro. Por dois motivos: saiu no mais importante …
8
03:47
A estranha conexão entre o caso Najila Trindade e Sérgio Moro
O jornalista Gilberto Dimenstein publicou em sua coluna no site Catraca Livre um texto em que conecta dois casos de …