Últimas notícias:

Loading...

Spotify, Deezer e YouTube retiram ‘Só Surubinha de Leve’ do ar

Por: Redação

Spotify, Deezer e YouTube retiraram de suas plataformas a música “Só Surubinha de Leve”, do MC Diguinho. O funk é acusado de fazer apologia ao estupro, em trechos como “taca bebida, depois taca a pica e abandona na rua” em sua letra.

A estudante paraibana Yasmin Formiga, 20 anos, foi quem iniciou os protestos contra a música nas redes sociais. “Sua música ajuda para que as raízes da cultura do estupro se estendam. Sua música aumenta a misoginia. Sua música aumenta os dados de feminicídio. Sua música machuca um ser humano”, declarou ela em postagem que viralizou.

Sua música ajuda para que as raízes da cultura do estupro se estendam. Sua música aumenta a misoginia. Sua música…

Posted by Yasmin Formiga on Monday, January 15, 2018

A partir disso, surgiram uma série de críticas e manifestações contra a reprodução da música nas principais plataformas digitais.

No Spotify, por exemplo, “Só Surubinha de Leve” chegou a estar no topo da lista Viral 50 do Brasil. Veja abaixo o comunicado do serviço de streaming divulgado nesta quarta-feira, 17.

“O catálogo do Spotify é abastecido por centenas de milhares de gravadoras, artistas e distribuidoras em todo o mundo. Eles são devidamente avisados sobre nossas diretrizes e são responsáveis pelo conteúdo que entregam. Desta forma, informamos que contatamos a distribuidora da música ‘Só Surubinha de Leve’ a respeito do ocorrido, e fomos informados que a faixa será retirada da plataforma nas próximas horas, uma vez que o tema foi trazido à nossa atenção. A música está atualmente no Top Viral pois teve um pico de consumo nos últimos dias.”

Pelo Twitter, o perfil oficial do Deezer também confirmou a remoção da música.

No YouTube, a faixa foi publicada em dezembro de 2017 e ostentava mais de 14,5 milhões de visualizações. O vídeo não está mais disponível.

Compartilhe:

?>