Jovens soviéticos pirateavam discos de rock em chapas de raio-x nos anos 1950

Milhões de discos de jazz, rock'n roll e boggie woogie foram pirateados na URSS

Por: Redação | Comunicar erro

Nos anos 50 e 60, o acesso aos discos fora dos Estados Unidos e Inglaterra não era fácil. Os álbuns demoravam a chegar e eram caros.

No Brasil, é comum ouvir histórias de grupos de amigos que reuniam-se para ouvir discos com anos de atraso.

Em um período onde o mundo ainda vivia a polarização da Guerra Fria, os jovens da União Soviética não podiam ouvir os discos de jazz, boogie woogie e rock’n roll devido aos embargos econômicos e culturais – o governo de Stalin havia proibido a disseminação de música do ocidente.

Porém, um grupo de jovens chamado “stilyagi” (algo semelhante aos hipsters de hoje, segundo o Fast Company) prensava e distribuía os discos de rock utilizando chapas de raio-x. A técnica foi chamada de bone music (música dos ossos, na tradução livre).

Eles coletavam o material em hospitais e faziam as cópias em casa, que tinham apenas um lado e baixa qualidade. Os “discos” eram prensados em vitrolas adaptadas, cortados em círculo com uma tesoura de manicure e o círculo central era feito com cigarros.

No mercado negro, eram vendidos por preços populares e tocavam em vitrolas comuns.

Em pouco tempo, uma rede de cópia e distribuição de música foi criada. Eles chegaram a distribuir milhões de discos segundo o Fast Company.

A subversão não durou muito tempo. Em 1958, os oficiais do governo soviético descobriram a estratégia e aboliram a prática.

O vídeo abaixo, trecho do filme “Stilyagi”, conta um pouco da história do rock na Rússia.

Via Fast Company. 

Compartilhe:

1 / 8
1
02:47
Não existe nada por acaso
Um dos melhores intérpretes da MPB, Simoninha doou o seu talento à Orquestra Sinfônica Heliópolis em um show no Masp …
2
04:36
Brasileira cria aplicativo que promove a inclusão
"Brainy Mouse" é o nome do aplicativo que une criatividade, inclusão e tecnologia. Criado pela brasileira Ana Sarrizo esse jogo carrega …
3
04:17
Restaurante brasileiro é referência mundial de sustentabilidade
Sair para comer fora também pode ser um ato de resistência contra a destruição do planeta – e isso vale …
4
01:41
As camisas dos verdadeiros campeões
Você está vendo essa criança com camisa de futebol? Essa não é uma camisa comum, na realidade ela é uma …
5
01:47
Mestres da Criatividade: Grafites atropelam a intolerância
Um movimento de arte em favor do amor e contra a intolerância surgiu nas ruas de Berlim: Paint Back, promovido …
6
04:53
Como a passagem de um livro virou uma música sublime
Numa passagem da obra-prima "O tempo e o Vento", de Érico Veríssimo, a protagonista Ana Terra se encanta com sua …
7
01:39
Mestres da Criatividade: doação de alimentos sem sair de casa
Mais de 7 milhões de pessoas têm algum tipo de dificuldade para comprar alimentos. Pensando em reduzir esse desigualdade, a …
8
02:11
Drones do bem: tecnologia que salva vidas
Você já conhece os drones, pequenas aeronaves não tripuladas controladas remotamente, certo? O objetivo inicial desses dispositivos era militar, permitindo que …