Informar

‘Jovens Embaixadores’ leva estudantes brasileiros para os EUA

Por: Redação | Comunicar erro
Brasileiros de 15 a 18 anos podem participar

As inscrições para o Programa Jovens Embaixadores 2019 já estão abertas! Anualmente, a Embaixada dos EUA no Brasil, em parceria com o Conselho Nacional de Secretários da Educação (CONSED), leva 50 estudantes da rede pública para um intercâmbio de três semanas em terras norte-americanas.

Para participar, é preciso ter entre 15 e 18 anos (completados até 31 de janeiro de 2019). O candidato deve apresentar excelente desempenho escolar, ter boa fluência oral e escrita em inglês; nunca ter viajado aos EUA, ter uma boa relação com sua escola e comunidade e realizar algum trabalho voluntário por pelo menos um ano. Também serão avaliadas características como capacidade de comunicação, liderança e pró-atividade.

As inscrições para o Programa Jovens Embaixadores nos EUA podem ser feitas até o dia 12 de agosto de 2018 pelo site oficial. Basta preencher a ficha de inscrição disponível e aguardar a resposta automática dizendo se sua candidatura atende aos pré-requisitos básicos.

Próximos passos

Uma vez aprovado na primeira etapa, o aluno parte para o processo que envolve envio de documentos, prova escrita e oral e, no caso dos semifinalistas, uma visita da Embaixada à sua casa. A lista com os nomes dos aprovados será divulgada no dia 31 de outubro e a viagem para os EUA está programada para janeiro do ano que vem.

Crédito: Divulgação/Jovens EmbaixadoresNomes dos alunos selecionados será divulgado em 31 de outubro

Durante a estadia, os estudantes conhecerão os principais pontos turísticos, organizações dos setores público e privado e do terceiro setor. Serão hospedados por uma família norte-americana e assistirão aulas que abordarão a responsabilidade social e empreendedorismo.

Desde 2003, quando surgiu o programa, mais de 570 jovens brasileiros participaram das atividades. Para acompanhar as novidades e datas de inscrições, acesse a página dos Jovens Embaixadores no Facebook ou o site da Embaixada.

  • Leia também:

Embaixada dos EUA oferece curso de inglês on-line gratuito

Compartilhe: