Últimas notícias:

Loading...

O exemplo de um casal de idosos que fez curso de inglês no Canadá

Nada de bingo ou crochê: Aristides e Elizabeth foram se aventurar em um intercâmbio para Vancouver

Por: Redação

O casal Aristides Calmont, de 60 anos, e Elizabeth Gonçalves, de 58 anos, está neste momento em Vancouver. Sabe o que eles estão fazendo por lá? Um intercâmbio para fazer um curso inglês no Canadá. Isso, mesmo!

Essa é uma das provas que desmistifica a ideia de que somente adolescentes ou jovens podem ter uma experiência internacional de estudos. Cada vez mais adultos maduros, acima de 40 anos ou idosos, estão buscando o aprendizado do segundo idioma em outro canto do planeta.

Nunca é tarde para se aventurar nesse mundão, e Aristides e Elizabeth são um grande exemplo para todos que ainda têm medo de se jogar e conhecer novas culturas e realidades.

casal
Crédito: Arquivo PessoalCasal embarca para o Canadá atrás de curso de inglês

“É realmente viver um sonho bem acordado, saboreando cada novo aprendizado e nova experiência, estando imerso em uma nova cultura”, define Aristides Calmont, quando perguntado sobre qual é a sensação de estudar fora.

E fique sabendo: aprender uma nova língua pode causar um efeito positivo no cérebro, retardando o envelhecimento.

É o que comprova uma pesquisa realizada pela Universidade de Edimburgo, na Escócia, e publicada na revista Annals of Neurology. Viajar, conhecer lugares, culturas e pessoas novas também está no pacote de benefícios.

casal
Crédito: Arquivo PessoalAristides e Elizabeth estudam inglês no Canadá

Segundo a agência Canadá Intercâmbio, o número de adultos e idosos que procuram por intercâmbio vem aumentando significativamente.

A agência constatou um crescimento de 65% na procura, nos últimos dois anos. A viagem de Aristides e Elizabeth aconteceu no início de setembro de 2014, e eles só voltaram ao Brasil em novembro de 2015.

Para finalizar, Aristides dá um recado para a galerinha jovem que tem o sonho de fazer intercâmbio: “faça o planejamento, reserve recursos financeiros e crie o seu espaço de tempo para vir estudar. Esta decisão poderá mudar radicalmente sua vida”.

Compartilhe: