Sisu, ProUni, Fies e faculdades gringas: sua nota do Enem vale ouro

Você pode usar sua nota do Enem em programas nacionais de acesso à universidade ou para estudar em Portugal, no Canadá ou França

Por: Redação

A pontuação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) é porta de entrada para a faculdade dos sonhos, seja no Brasil ou fora do país. Além de conseguir vaga em universidades públicas federais pelo Sisu (Sistema de Seleção Unificada), a nota te dá o direito de participar de diversos outros programas universitários e seleções.

ProUni

O Programa Universidade para Todos (ProUni) oferta bolsas de 50% e 100% em cima do valor da mensalidade do curso escolhido. Podem se candidatar alunos que cursaram o ensino médio na rede pública ou na rede privada com bolsa integral; têm renda familiar bruta mensal de até 3 salários mínimos por pessoa, entre outros requisitos. É preciso ter obtido média de 450 pontos no Enem. Além disso, alunos que zeraram na redação não podem participar.

Fies

Você quer começar a faculdade mas não tem condições de bancar toda a mensalidade? O Fies (Fundo de Financiamento Estudantil) te dá a possibilidade de começar a pagar pelo curso só quando terminá-lo. Serão 100 mil vagas ofertadas pelo programa no primeiro semestre de 2020.

O Fies tem como objetivo financiar, com juro zero, no mínimo 50% da mensalidade em cursos (presenciais) de universidades particulares para estudantes de baixa renda. É destinado para aqueles com renda per capita de até três salários mínimos por mês.

Faculdades no exterior

Com as notas em mãos, além de se candidatar para o ProUni, Fies ou Sisu, o aluno poderá também tentar uma vaga em uma das 42 universidades portuguesas participantes (clique aqui para conferir quais são), sem necessidade de um novo vestibular.

Portugal Enem
Crédito: IStock/RossHelenUniversidade de Coimbra, em Portugal, é outra instituição parceria do Inep

De acordo com especialistas do Sistema de Ensino Poliedro, além de Portugal, existem faculdades que já citaram a possibilidade de se utilizar os resultados do Enem nos seguintes países: Estados Unidos, Canadá, França, Inglaterra, Irlanda e Escócia.

“A utilização das notas do Enem em instituições estrangeiras é um fato bem recente, ainda sem a ciência da maioria dos vestibulandos. Com exceção das instituições de ensino portuguesas, não há convênio formal entre MEC e universidades estrangeiras para o uso do exame brasileiro, mas há boas oportunidades”, afirma Fernando da Espiritu Santo, gerente de inteligência educacional e avaliações do Poliedro.

Para os demais países o processo é mais complexo. Assim como no Brasil, as universidades possuem autonomia para definir as regras dos processos seletivos e critérios diferenciados para utilização da nota do Enem.

Neste sentido, a dica é pesquisar nos sites das instituições estrangeiras de interesse, visando conhecer as datas importantes, as documentações necessárias e as condições para participação. É comum a solicitação de certificados de proficiência na língua estrangeira, cartas de recomendação, cartas motivacionais, bem como a comprovação de participação em atividades extracurriculares ao longo da formação escolar.

O que avaliar antes de optar por uma faculdade no exterior?

É necessário verificar a reputação da universidade e, principalmente, os custos envolvidos. Em muitos casos, é financeiramente mais vantajoso estudar em outro país do que pagar faculdade no Brasil. Além das vantagens de networking e oportunidades de carreira, o valor da moradia e alimentação no exterior pode ser menor do que a mensalidade nas faculdades brasileiras, como nos casos dos cursos de medicina, por exemplo.


Imagem Carnaval Sem Assedio
1
Crise na Educação: o Enem, o Sisu e a demissão inesperada no Sesu
Crise na Educação: o Enem, o Sisu e a demissão inesperada no SesuAs últimas semanas foram carregadas de incertezas e …
2
Enem: após confusão, MEC corrige notas e libera inscrição no Sisu
O ministro da Educação,  Abraham Weintraub, publicou um vídeo em sua conta no Twitter com novas explicações para as inconsistências …
3
Baixa na Educação: MEC decide tirar TV Escola do ar
O Ministério da Educação (MEC) decidiu não renovar o contrato com a TV Escola, canal educativo com 25 anos de …
4
48:28
ENEM! Aulão de história na Catraca
Em ritmo de Enem, a Catraca Live, em parceria com a SAS plataforma de Educação, realizou uma série de Lives …
5
59:42
ENEM! Aulão de português na Catraca
Em ritmo de Enem, a Catraca Live, em parceria com a SAS plataforma de Educação, realizou uma série de Lives …
6
47:47
ENEM! Aulão de matemática na Catraca
Em ritmo de Enem, a Catraca Live, em parceria com a SAS plataforma de Educação, realizou uma série de Lives …
7
04:21
Weintraub usa o MEC para tentar tirar verbete da Wikipédia do ar
Uma matéria publicada pelo jornal Folha de S. Paulo mostra que o ministro da Educação, Abraham Weintraub, usou o peso …
8
01:46
Os erros de português mais absurdos do governo Bolsonaro
A língua portuguesa não é bem o forte da gestão Bolsonaro. Vários nomes importantes do governo já escorregaram no idioma …