‘Alexandrismos’ defende o direito de ser feia e gera polêmica na web

A militante pelo corpo livre foi duramente atacada após defender que mulheres não precisam ficar reféns de padrões para serem belas

Por: Redação
Ouça este conteúdo

A influenciadora digital Alexandra Gurgel, conhecida pelo nome do seu canal, Alexandrismos, publicou em seu perfil no Instagram, um vídeo sobre o que ela chamou de ‘o direito de ser feia’ que gerou muita polêmica na internet, nesta segunda-feira, 21. A militante pelo corpo livre foi duramente atacada após a publicação e depois defendida na web.

Crédito: Reprodução/Instagram‘Alexandrismos’ defende o direito de ser feia e gera polêmica na web

No vídeo, Alexandrismos fala de forma metafórica sobre ‘o direito de ser feia’. A blogueira traz uma reflexão sobre a não necessidade que as pessoas tem, na verdade, de seguirem padrões estéticos estabelecidos pela sociedade para serem bonitas.

A beleza é uma questão subjetiva. O que é bonito para um, não é bonito para o outro e vice-versa. Logo, o direito de ser feia quer dizer, justamente, que toda mulher não precisa ser refém de padrões de beleza para ser bonita. E mais, Alexandrismos fala sobre a mulher ser considerada feia, exatamente porque não segue a ditadura da beleza. Ou seja, não é que a pessoa seja feia, ela só é tida como tal por aqueles que só consideram belo aquilo que o padrão determina.

No vídeo, a influenciadora digital ainda fala sobre beleza não ser algo palpável, sobre beleza ser um estado de espírito. Veja:

Na internet, prints fora de contexto, do vídeo de Alexandrismos foram publicados criticando a influenciadora. Diversos deles com discursos preconceituosos e gordofóbicos. Houve também quem ironizasse a influenciadora dizendo: “Agora que Alexandrismos permitiu, finalmente tenho meu direito de ser feia”.

Com os ataques, o nome do canal da blogueira foi parar nos assuntos mais comentados do Twitter, nesta segunda. Com a repercussão das críticas, diversos internautas foram defender a influenciadora digital, até mesmo aqueles que não concordam com seu discurso.

Depois que o vídeo reverberou, Alexandra Gurgel se manifestou em seu perfil no Twitter. “Setembro amarelo!!!”, escreveu ela.

“Não aguento mais”, escreveu a influenciadora, em seguida.

“A troco de que vocês acabam com minha saúde mental? O que eu estou fazendo que vocês odeiam tanto? Por que vocês resolveram fazer isso comigo? Como vocês acham que uma pessoa lida meses com ódios que só crescem? ninguém está fazendo critica construtiva! vocês estão me destruindo”, disse Alexandrismos.

Depois, a blogueira passou a compartilhar tweets questionando e criticando os comentários ofensivos com discurso de ódio contra ela. Confira a repercussão:

https://twitter.com/vitortarifa_/status/1308165535218257920?s=20