Ativista adota estilo de vida verde com casa ecológica e bike

O ativista americano Rob Greenfield usa água da chuva, cultiva ou busca na natureza os alimentos que consome e pratica a compostagem em seu banheiro

Por: Redação |

O que chamamos de lar, doce lar também deve ser confortável para o ambiente. O ativista americano Rob Greenfild sabe bem disso. Afinal, sua casa é um reduto da sustentabilidade. Além disso, ele adotou um verdadeiro estilo de vida verde em seu cotidiano.

Então, façamos um tour pelos atributos da moradia. Em primeiro lugar, é preciso que se diga que ela foi construída pelo próprio Greenfield.

Para tanto, ele usou sobretudo materiais reciclados, como madeira de paletes, restos de estopa e janelas e portas recuperadas. Na casa de 100 m², que fica em Orlando, na Flórida, o ativista gastou US$ 1.500.

O ativista Rob Greenfield adotou um estilo de vida verde em sua cabana
Crédito: Reprodução/YouTube/Rob GreenfieldO ativista Rob Greenfield adotou um estilo de vida verde em sua cabana

Na cozinha, os alimentos são preparados com o uso de biogás (metano). Além disso, o fogão é solar – a radiação cria uma espécie de efeito estufa, o qual é usado para o cozimento.

A iluminação do ambiente, por sua vez, fica por conta de LEDs alimentados por uma bateria recarregável e um painel portátil de energia solar.

Na cozinha, o estilo de vida verde fica por conta do uso de biogás e de um fogão solar
Crédito: Reprodução/YouTube/Rob GreenfieldNa cozinha, o estilo de vida verde fica por conta do uso de biogás e de um fogão solar

Vamos, agora, ao banheiro. Ou melhor, aos banheiros. Um é para o xixi. O outro, para o número 2. A urina, no caso, é diluída para a rega de árvores frutíferas. O lixo sólido é misturado com serragem e compostado para produzir fertilizante.

Aliás, atenção até para o papel higiênico adotado por Greenfield. Não é papel, na verdade. São folhas macias e perfumadas de uma planta, a da flor chamada Blue Spur, a qual Rob plantou no local.

A água utilizada na casa é de chuva. Ela é recolhida do telhado e em vários tanques de armazenamento. É usada para o banho e também filtrada para beber.

Clique aqui e conheça o projeto As Melhores Soluções Sustentáveis

A água usada na cabana é a de chuva
Crédito: Reprodução/YouTube/Rob GreenfieldA água usada na cabana é a de chuva

Em seu estilo de vida verde, Greenfield, além de cultivar alimentos – inclusive cria abelhas para a produção de mel –, busca na natureza a própria comida. O termo usado para essa atividade é forragear, como fazem os animais.

A maioria de suas prateleiras na casa armazena ingredientes como sementes e conservas.

E o ativista também é sustentável na hora de se deslocar. Ele anda de bike.

A cabana de Greenfield em Orlando fica no quintal de uma propriedade maior. Ele fez um acordo com o dono dela: ajudou-o a construí-la em troca de uma estadia de dois anos no terreno.

Assim, logo Rob deverá partir para uma nova morada. Mas sempre levando na bagagem seu estilo de vida verde.

Leia também: Brasileira leva prêmio por ações contra atropelamento de animais

Curadoria: engenheiro Bernardo Gradin, presidente da GranBio e especialista em soluções sustentáveis.

Compartilhe: