Bicicletário sustentável converte pedaladas em energia limpa

Projeto foi idealizado por um empreendedor parisiense para aproveitar o esforço diário de ciclistas da cidade de Amsterdã

Por: Redação | Comunicar erro

Criatividade faz muita diferença na hora de pensar em formas ecológicas de gerar energia. Pense, por exemplo, na cidade de Amsterdã, na Holanda. Seus monumentos históricos nem sempre permitem a instalação de painéis solares.

Mas veja quantas bicicletas circulando pelas ruas. Para aproveitar todo o esforço de seus usuários, foi criado um bicicletário sustentável que transforma pedaladas em eletricidade.

Para que essa conversão seja possível, a bicicleta tem de ser adaptada. Uma roda dianteira especial armazena em baterias a energia gerada durante as pedaladas e as freadas.

Quando a bike é estacionada no bicicletário sustentável, chamado de S-Park, a energia é transferida para ele. O equipamento, então, a distribui para a rede elétrica do bairro ou da região.

O projeto de bicicletário sustentável foi pensado para a cidade de Amsterdã, na Holanda
Crédito: Reprodução/Clean Energy ChallengeO projeto de bicicletário sustentável foi pensado para a cidade de Amsterdã, na Holanda

O projeto foi desenvolvido por Guillaume Roukhomovsky, empreendedor parisiense especializado em iniciativas criativas que vive em Amsterdã.

Clique aqui e conheça o projeto As Melhores Soluções Sustentáveis.

Uma forma de transformar as pedaladas dos cidadãos em energia limpa
Crédito: Reprodução/Clean Energy ChallengeUma forma de transformar as pedaladas dos cidadãos em energia limpa

Roukhomovsky idealizou o bicicletário para um desafio de energia limpa, o Clean Energy Challenge, promovido pela fundação da marca sueca de móveis Ikea, que realiza programas sociais.

A lógica do empreendedor: diariamente, os ciclistas de Amsterdã percorrem um total de 2 milhões de quilômetros. Isso significaria a geração de uma média de 19,5 milhões de watts/hora, suficientes para abastecer milhares de casas.

Leia também: Pavimento flexível multiplica uso de vias sem quebradeira

Curadoria: engenheiro Bernardo Gradin, presidente da GranBio e especialista em soluções sustentáveis.

Compartilhe: