Pasta de dente vegana combate lixo plástico no ambiente

Descontente com a quantidade de tubinhos de creme dental que são descartados, a produtora de TV Lindsay McCormick criou um dentifrício em tablete

Por: Redação

Pense no estorvo que significam para o ambiente os tubinhos de creme dental que são jogados fora e contribuem para o acúmulo de lixo plástico em oceanos e aterros sanitários. Pois foi para se livrar dessa embalagem poluidora que uma produtora de TV de Los Angeles, EUA, Lindsay McCormick, resolveu desenvolver uma pasta de dente em tablete, a Bite.

A pasta de dente vegana é vendida em tabletes
Crédito: Reprodução/Instagram/@bitetoothpastebitsA pasta de dente vegana é vendida em tabletes

Os tabletes são comercializados em potinhos de vidro recicláveis com 64 unidades – US$ 12 (R$ 49) o pote –, que dão para cerca de um mês de higiene para quem escova os dentes duas vezes por dia. A partir da segunda compra, o cliente recebe os tabletes em uma caixa reciclável, para reabastecer o pote de vidro que só adquire uma vez.

Lindsay conta que teve a ideia do negócio ao ver a quantidade de tubinhos nos lixos dos hotéis, durante suas incontáveis viagens. Também diz que passou a se preocupar com os componentes químicos prejudiciais à saúde que são encontrados nos cremes dentais tradicionais.

A Bite é vegana, produzida com ingredientes orgânicos e vegetais em um laboratório que não realiza testes em animais. É vendida em dois sabores: menta e menta com carvão ativado.

Clique aqui e conheça o projeto As Melhores Soluções Sustentáveis.

Na hora do uso, funciona assim: você coloca o tablete na boca e morde; então, ao realizar os movimentos da escova, logo verá a espuma do dentifrício em ação. Ele não foi feito para ser engolido, mas os fabricantes asseguram que não há mal algum se isso acontecer.

Além de livrar o ambiente dos indesejáveis tubinhos, a iniciativa de Lindsay McCormick ajuda também a manter a longevidade dos casamentos. Afinal, um dos grandes pontos de discórdia entre os casais está em por onde cada um começa a apertar o tubo da pasta de dente.

Leia também: Estilo de vida lixo zero ganha loja de produtos em São Paulo

Curadoria: engenheiro Bernardo Gradin, presidente da GranBio e especialista em soluções sustentáveis.