Em campanha, marca questiona a idade interior das pessoas

Ação visa conscientizar sobre a importância dos cuidados em saúde para a qualidade de vida

Por: Redação | Comunicar erro

Você sabe qual é a sua verdadeira idade interior? Não a cronológica, que pode ser obtida pelo documento de identidade. Mas a interna, que está ligada à saúde e à qualidade de vida.

Essa campanha foi selecionada pelo “Causando”, do projeto Mestres da Criatividade, da Catraca Livre – escolhemos as mais criativas publicidades com causa.

Os 40 participantes de uma campanha da Quaker, elaborada pela agência AlmapBBDO, não tinham essa resposta. Mas logo descobririam.

Com idades entre 18 e 80 anos, eles passaram por uma bateria de testes de laboratório. Fórmulas foram aplicadas para identificar a idade interna, num estudo coordenado pela consultoria RG Nutri e supervisionado por Paulo Zogaib, especialista em exercício e medicina esportiva.

Aos participantes foi pedido que se organizassem conforme a idade, num semicírculo
Crédito: DivulgaçãoAos participantes da campanha foi pedido que se organizassem conforme a idade, num semicírculo

Segundo o especialista, os resultados dependem de marcadores multifatoriais. A genética, diz ele, importa. Mas vários outros aspectos combinados, como a dieta e a rotina de exercícios, fazem a diferença.

E, enfim, os resultados chegaram. Aos participantes foi pedido que se organizassem por idade, em um semicírculo.

Até que foram rearranjados de acordo com a idade interna. O que causou surpresa em alguns, dada a grande diferença entre o que diz o RG e os exames de laboratório.

Campanha questiona idade interna das pessoas
Crédito: DivulgaçãoCampanha questiona idade interna das pessoas

Ao questionar a saúde, a campanha “Quantos anos você tem?” também questiona o conceito de idade.

Lançada no Brasil, ela será exibida em outros países da América Latina. Foram produzidos um filme de três minutos e peças digitais, além de minidocumentários de um minuto.

Quem tiver curiosidade para conhecer a idade interna pode acessar o site da ação.

Leia também: Comercial de cerveja mostra que excesso de álcool é ‘broxante’

Compartilhe: