Blogueira revela quais alimentos a ajudaram a emagrecer 45kg

Por: Redação

Força de vontade e mudança na alimentação foi o que fizeram a blogueira Adriana Thyssen eliminar 45 kg, sem cirurgia. Em seu Instagram, ela mostra fotos de quando chegou a pesar 107 kg.

Segundo a blogueira, a mudança aconteceu quando ela adotou uma dieta reduzida em carboidratos, com alimentos em conta que não afetavam seu orçamento.

Adriana mostra fotos de seu antes e depois no Instagram

Três anos depois de mudar os hábitos alimentares, hoje aos 43 anos e com 62 kg, ela  revela alguns truques que a ajudaram a eliminar o excesso de peso.  Confira:

Batata Doce

A batata doce é uma fonte de carboidrato muito saudável e benéfica para a dieta. Por ser rica em fibras, ela é considerada um alimento com médio índice glicêmico, ou seja, aumenta gradualmente a glicemia. Dessa forma os carboidratos são digeridos mais lentamente, fornecendo energia ao organismo de forma gradual não elevando os níveis de insulina e assim podem auxiliar na perda de peso.

A batata doce é rica em Ferro, Cálcio, e possui propriedades imunomodulatórias, que atuam modulando e ativando os componentes celulares e seus mediadores químicos, aumentando assim a efetividade do sistema imunológico.

  • Cansado (a) de mergulhas em dietas loucas, super restritivas e difíceis de se seguir? Então, confira esta dica AQUI.

Tapioca

Este alimento tipicamente brasileiro está em destaque nos últimos anos por não conter glúten, sendo substituta do clássico pãozinho. A tapioca é rica em amido que é uma ótima fonte de carboidratos, que são essenciais para o funcionamento do cérebro e aliados do bom humor. Além disso, também conta com um pouco de zinco e potássio.

Ovos

Não é só para a perda de peso que o ovo é bom. O ovo é uma proteína completa, tem a quantidade de aminoácidos essenciais que o organismo não consegue fabricar e tem apenas 5 gramas de gorduras, sendo que somente 1 grama é de saturada. O alimento também possui nutrientes com ação antioxidante como os carotenoides, a vitamina A e E, o ácido fólico, o zinco, o magnésio e selênio.

Acesse a matéria completa no site Minha Vida.

Confira também:

Compartilhe: