CORONAVÍRUS
Loading...
Últimas notícias e tudo que você precisa saberAtualizando informações
Infectados-
Mortes-
Recuperados-

Cada bolsa de sangue pode salvar até 4 vidas; saiba como ser doador

O processo de doação é totalmente seguro, dura em torno de 10 minutos e beneficia pessoas em tratamentos ou que passam por cirurgias ou transplantes

Por: Redação

No Brasil, cerca de 3,3 milhões de pessoas são doadoras de sangue. Isso significa que 16, a cada mil pessoas, doam sangue regularmente. Embora a situação esteja atualmente em conformidade com o que a OMS (Organização Mundial da Saúde) preconiza para a segurança, o Ministério da Saúde trabalha para sensibilizar novos doadores.

De acordo com Rodolfo Duarte Firmino, coordenador-geral de Sangue e Hemoderivados do Ministério da Saúde, são esses doadores que doam com frequência que mantêm abastecidos os bancos de sangue ao longo do ano. “Não tem nenhum substituto farmacêutico para o sangue, é um produto usado na medicina que só vem por meio da doação”, lembra Firmino.

O processo de doação é rápido e seguro para o doador, e uma única bolsa de sangue doada pode salvar até quatro vidas.

mulher fazendo doação de sangue
Crédito: Cylonphoto/istockCada bolsa de sangue doada pode salvar até 4 vidas

Quem pode ser doador

Podem doar sangue pessoas entre 16 e 69 anos e que estejam pesando mais de 50kg. Além disso, é preciso apresentar documento oficial com foto e menores de 18 anos só podem doar com consentimento formal dos responsáveis. O limite superior para a primeira doação é 60 anos. Ou seja, quem tiver 61 anos ou mais e nunca doou não pode doar mais.

Quem não pode doar:

» estiver com anemia no teste realizado imediatamente antes da doação.
» estiver com hipertensão ou hipotensão arterial no momento da doação.
» estiver com aumento ou diminuição dos batimentos cardíacos no momento da doação.
» estiver com febre no dia da doação.
» estiver grávida.
» estiver amamentando, a menos que o parto tenha ocorrido há mais de 12 meses.

ilustração com os tipos sanguíneos

Com informações da Agência Saúde.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.