Últimas notícias:

Loading...

Casos de gripe aviária farão Holanda sacrificar 200 mil frangos

Casos também estão sendo identificados em outros países

Por: Redação
Ouça este conteúdo

Nesta quinta-feira, 5, a Holanda ordenou o abate de cerca de 215 mil frangos, depois que casos de gripe aviária foram detectados em uma fazenda na cidade de Puiflijk, no sul do país.

Em um comunicado, o Ministério da Agricultura da Holanda disse tratar-se provavelmente de uma variante altamente patogênica do vírus aviário, o H5N8.

Já é a segunda vez em um mês que as autoridades holandesas recorrem a essa medida. A primeira ordem foi dada no final de outubro depois que um caso de gripe aviária foi identificado em uma ave selvagem. Na ocasião, cerca de 35,7 mil aves já foram abatidas em uma fazenda.

gripe aviária
Crédito: ArtistGNDphotography/istockMais de 200 mil frangos serão abatidos após casos de gripe aviária na Holanda

Para evitar a propagação do vírus, o país também proibiu o transporte de aves, ovos, esterco e chorume em uma área de dez quilômetros ao redor da fazenda.

Casos da gripe aviária também foram recentemente identificados em granjas da Alemanha, França e no Reino Unido. Na última segunda-feira, 2, a Inglaterra já havia determinado o abatimento de 13 mil galinhas por precaução.

Risco para humanos

A gripe aviária é causada por uma mutação do vírus influenza A, transmissor da gripe.  Apesar de ser contagiosa entre as pessoas, a possibilidade de transmissão é baixa, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS). A maioria das infecções humanas por H5N8 surge após o contato prolongado e próximo com as aves infectadas.

Entre os sintomas que doença causa estão: febre, tosse, falta de ar, dispneia e doença respiratória do trato inferior.

Compartilhe: